Ameaça à fauna: animais feridos pelo fogo são resgatados no Pantanal

Posto de acolhimento já recebeu de onças a jabutis. São animais que acabam feridos durante o trajeto para escapar do fogo

(Foto: Mayke Toscano/Secom-mt)

As queimadas no Pantanal ameaçam a vegetação nativa, que se perde no fogo, e os animais. Muitos não conseguem fugir das chamas e são resgatados com ferimentos. Segundo o governo de Mato Grosso, 13 de grande porte já foram capturados nessa situação.

Os animais estão sendo levados ao Posto de Atendimento a Animais Silvestres (PAEAS). A unidade fica na Transpantaneira, estrada que liga Poconé a Porto Jofre. A região é uma das mais afetadas pelo fogo.

O posto já recebeu onças, lobetes, iguana, anta, jabuti, garça e jaguatirica, por exemplo. São animais que acabam feridos durante o trajeto para escapar da queimada.

LEIA TAMBÉM

A estrutura começou os trabalhos no dia 30 de agosto. Os casos mais graves, como cirurgias, são encaminhados para clínicas parceiras ou instituições ecológicas de outros Estados do Brasil.

A estrutura para abrigar os animais conta com ambulatório, almoxarifado, armário com medicamentos, alojamentos, cozinha, banheiro e recintos específicos para os bichos.

Os recintos para transporte animal e tratamento foram feitos com a mão de obra de reeducandos e uso de madeira apreendida.

(Foto: Mayke Toscano/Secom-mt)

Já estão sendo tratados no local, entre outros animais, um tuiuiú encontrado próximo a uma pousada com fratura em uma das asas. Uma maritaca, com dificuldades para voar, e um pequeno roedor, com queimaduras nas patas, também foram resgatados.

A equipe de resgate é formada por veterinários, biólogos e estagiários que se revezam na operação realizada durante o dia e a noite. Eles são responsáveis por resgatar e também distribuir alimentos em pontos estratégicos para os bichos.

O trabalho segue sem previsão para terminar. Ainda não há um levantamento sobre a porcentagem de animais encontrados mortos ou quantos estariam ameaçados pelos incêndios.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAbílio e Wellaton decidem disputar juntos a Prefeitura de Cuiabá
Próximo artigoUma vaga, 11 candidatos: confira quem vai disputar o Senado em MT