Fávaro assina pedido para incluir prefeitos e governadores em CPI da Covid

Requerimento foi presentado pelo aliado do governo federal, senador senador Eduardo Girão, que quer um escopo maior para a investigação sobre ações tomadas por gestores na pandemia

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

O senador Carlos Fávaro (PSD-MT) assinou o pedido do senador Eduardo Girão (Podemos-CE) para investigar Estados e municípios em Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) sobre as ações implantadas para o combate à pandemia do novo coronavírus. 

O novo pedido CPI da Covid busca substituir o pedido do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), com foco em ações do governo federal.

Girão justifica que os entes federados devem entrar na investigação “em face dos bilhões de reais repassados pelo Executivo Federal, além de verbas oriundas das próprias fontes municipais e estaduais e diante das brechas escancaradas por uma legislação criada sob regime de urgência”. 

“Faltou transparência e sobrou desonestidade nos contratos firmados entre gestores públicos desonestos e a iniciativa privada”, afirma. 

A CPI solicitada por Randolfe Rodrigues será instalada por ordem do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luis Roberto Barroso, para documento protocolado em janeiro no Senado.  

Os senadores de Mato Grosso se disseram contra essa investigação. 

“Uma vez que a CPI é inevitável neste momento, sobretudo por conta de uma decisão do ministro Luís Roberto Barroso, que ela apure então todas as suspeitas de improbidade nas três esferas, federal, estadual e municipal”, disse hoje. 

O senador Wellington Fagundes (PL-MT) disse manter sua postura do primeiro pedido. Em post agora há pouco no Twitter, ele afirmou: “Reitero o que já disse: o momento é de união já que, do contrário, viveremos o caos absoluto. Ao meu ver, a prioridade é a vacinação dos brasileiros”. 

O LIVRE também procurou o senador Jayme Campos (DEM-MT) para se manifestar sobre o assunto, mas não houve retorno até a pública desta matéria. 

O senador Eduardo Girão conseguiu hoje pela manhã, 34 assinaturas de apoio ao pedido para a instalação CPI que inclui prefeitos e governadores na investigação. O requerimento deve ser protocolado nesta terça-feira (13) no início da sessão do Senado.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorUTIs em municípios menores
Próximo artigoÁguas Cuiabá conclui força-tarefa de recomposição asfáltica