Empresário tenta estuprar jovem durante entrevista de emprego em Cuiabá

Dono da empresa disse que faria um teste com ela e que, a cada erro, ela teria que tirar uma peça de sua roupa

Imagem ilustrativa

Uma jovem de 18 anos sofreu uma tentativa de estupro nessa terça-feira (27) durante uma entrevista de emprego com o dono da empresa, em uma loja no Bairro Jardim Leblon, em Cuiabá.

Segundo relato da vítima, ela foi até a loja deixar um currículo e foi recebida pelo proprietário da empresa, que pediu que ela voltasse em casa e colocasse uma roupa mais adequada, para que ele visualizasse melhor a aparência dela.

O empresário justificou dizendo que, pela gerente, ela jamais seria contratada devido à aparência. Acatando o pedido do homem, pois precisava do emprego, a jovem foi em casa e trocou de roupa.

O dono da empresa disse à jovem que a estaria esperando acompanhado da gerente. Porém, quando ela chegou, ele estava sozinho e pediu que ela trocasse novamente de roupa, dessa vez para colocar o uniforme da loja.

Em seguida, ele disse que faria um teste com ela e que, a cada erro, ela teria que tirar uma peça de sua roupa.

Indignada e com medo, a jovem começou a chorar. O suspeito, então, a pegou pela cintura e passou a tentar ver as tatuagens dela.

A vítima tentava se afastar, mas o suspeito a puxava mais e a colocou à força sobre a mesa.

Chorando ainda mais, ela conseguiu se desvencilhar do suspeito. Ele ainda tentou convencê-la a voltar na loja do dia seguinte.

Ela disse que voltaria, saiu correndo, chamou um motorista de aplicativo e foi direto para a delegacia, onde o caso foi registrado como estupro consumado.

LIVRE produziu um manual para você saber como agir, caso tenha sido vítima ou testemunha de um crime sexual:

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorLixo, esgoto e água tratada: as três prioridades do próximo prefeito de Cuiabá?
Próximo artigoAdolescente vendedor de balas diz ter sido agredido em shopping de Cuiabá