Vereadores poderão ser deputados e senadores temporários, diz TJMT

Em julgamento, desembargadores não viram problema em vereadores se licenciarem para assumir cargos diferentes por um período

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) rejeitou declarar inconstitucional uma emenda à Lei Orgânica Municipal que permite aos vereadores por Cuiabá manterem o mandato enquanto assumem, paralelamente e em caráter provisório, o cargo de deputado estadual,  federal, senador ou até mesmo ministro de Estado.

A decisão unânime foi dada pelo plenário do Judiciário, composto por 30 desembargadores, e publicada no Diário da Justiça que circulou na quinta-feira (1º).

De autoria do vereador Joelson Nascimento (Solidariedade), a Emenda 40/2018 permitiu aos vereadores Marcrean dos Santos (Progressistas) e Toninho de Souza (PSDB) exercerem em 2018 e 2019, respectivamente, mandato temporário de deputado estadual na Assembleia Legislativa. Ambos são suplentes devidamente diplomados pela Justiça Eleitoral.

O pedido pela inconstitucionalidade partiu da Procuradoria Geral de Justiça. Na ação, assinada pelo sub-procurador Marcelo Ferra, foi argumentado que esse “paralelismo” não seria possível de acordo com as constituições federal e de Mato Grossso, já que todos os cargos – deputado, senador e vereador – compõem o Poder Legislativo.

No entanto, o argumento não prosperou. A desembargadora Serly Marcondes Alves, em seu voto – acompanhado pelo plenário -, ressaltou que a Câmara de Cuiabá não confrontou a Constituição Estadual e, tampouco, a Federal.

“Os dispositivos questionados não reduzem as proibições ou incompatibilidades estabelecidas nas Constituições Federal e Estadual, uma vez que não dizem respeito a titularidade de mais de um cargo ou mandato eletivo, mas sim, apenas permitem que na eventualidade de ser suplente de cargo de senador e deputados federal ou estadual, o vereador possa se licenciar do cargo de Parlamentar Municipal e assumir mandato temporário na Assembleia Legislativa ou no Congresso”, destacou.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorJúlio Campos pega covid-19
Próximo artigoSob o domínio do mal