Banho está liberado na Salgadeira, anuncia governo

Em obras há 6 anos e com a inauguração adiada por diversas vezes, o local é considerado um dos principais pontos turísticos de Mato Grosso

O Governo do Estado assegurou, por meio de um Termo de Ajustamento de Conduta (TCA) firmado com o Ministério Público Estadual (MPE) na última quarta-feira (30) , a autorização para banhos no Complexo da Salgadeira, no Parque Nacional da Chapada dos Guimarães. Em obras há 6 anos e com a inauguração adiada por diversas vezes, o local é considerado um dos principais pontos turísticos de Mato Grosso e, inicialmente, seria aberto somente para visitação e contemplação.

A liberação foi possível com a aprovação do processo de licenciamento ambiental pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), que deve atender à exigência de no máximo 45 banhistas simultaneamente nas margens direita e esquerda. A obra deve ser entregue em 15 de junho

O secretário de Estado de Meio Ambiente, André Baby, ressaltou o trabalho do MPE, que acompanhou o projeto por meio do promotor Marcelo Vacchiano. “Esse resultado foi possível porque houve o entendimento da importância ambiental e também social da Salgadeira, um espaço historicamente usado como lazer pelos mato-grossenses. Foi muito importante essa parceria e o controle feito pelo Ministério Público”.

Além da área de banho, o complexo conta com espaço museológico, de contemplação, restaurantes, banheiros, depósitos, loja de artesanato e playgrond com mais de 600m². O valor total da obra ficou em R$ 12,6 milhões. (Com assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGrupo ameaça fechar postos para fortalecer movimento
Próximo artigoGoverno diz que denúncia de deputada é equivocada e que edital foi mal interpretado