“Fui atropelado por um trem, mas passo bem”, diz general Ramos sobre saída da Casa Civil

General afirmou que não sabia das articulações e que ficou surpreso com a mudança

O presidente Jair Bolsonaro dá posse ao ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, no Palácio do Planalto.

O general Ramos comentou sobre sua saída do Ministério da Casa Civil, medida que deve ser formalizada na segunda-feira (26). Ele admitiu ter ficado surpreso com a decisão do presidente Jair Bolsonaro sobre a mudança.

“Eu não sabia, estou em choque. Fui atropelado por um trem, mas passo bem”, disse em entrevista à jornalista Eliane Cantanhêde, de O Estado de S. Paulo.

O general afirmou ainda que pode continuar no governo e que está pronto para assumir outra “missão” dada pelo presidente.

“O presidente é ele [Bolsonaro]. Eu sou soldado, cumpro missão. Aprendi, em 47 anos de vida militar, que soldado não escolhe missão. Se ele me der outra no governo, eu aceito”, afirmou Ramos.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorHomem mata ex-namorada a tiros, foge e tira a própria vida
Próximo artigoCuiabá tem orçamento estimado em R$ 4 bilhões para 2022