Prefeitura de Cuiabá disponibiliza cadastro online para vacina da covid-19

Primeira fase é destinada exclusivamente a profissionais da Saúde que estão na linha de frente contra a covid-19

(Foto: Reprodução)

A prefeitura disponibilizou, nesta quinta-feira (21), o cadastro online para a vacina da covid-19, em Cuiabá. No site – https://vacina.cuiaba.mt.gov.br/ – serão feitos os pré cadastros de quem vai receber a imunização.

Nesta primeira fase apenas trabalhadores da saúde que estão na linha de frente da pandemia estão sendo vacinados.

A vacinação é feita desde a quarta-feira (20), no Centro de Eventos do Pantanal.

Com o site no ar, os trabalhadores da saúde que desejam se vacinar deverão se pré-cadastar pela internet, inserindo dados pessoais e o cargo que exerce na unidade hospitalar.

Após o pré-cadastro, a pessoa deve se dirigir ao local de aplicação. Para ter acesso ao local, é preciso ter em mãos o número do cartão SUS e um documento que comprove que trabalhe em unidade hospitalar na linha de frente.

Questão de segurança

O acesso ao Centro de Eventos do Pantanal este sendo controlado, por questão de segurança. Dentro do prédio, a pessoa é recebida com uma senha e aguarda para ser chamada ao setor de Registro, onde é feito o lançamento do paciente no sistema do Ministério da Saúde.

Em seguida, ocorre a etapa da vacinação e, depois, existe um espaço pós-vacina, onde a pessoa vacinada aguarda sentada por 30 minutos para que, em caso de reação adversa, receba atendimento médico imediato.

Setor de Vacinação

Estão disponibilizadas 11 mesas para aplicação da vacina. Profissionais da Vigilância Epidemiológica estão monitorando as temperaturas das caixas térmicas que ficam nessas mesas dos aplicadores da vacina. A temperatura não pode ser menor que 2 graus e maior que 8 graus.

A ala de vacinação fica ao lado da câmara fria, que tem acesso restrito, onde ficam armazenadas as doses da vacina e todos os insumos necessários para aplicação (seringas e agulhas) por dia.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anterior“Enquanto éramos atacados, negociávamos com os indianos”, diz assessor de Bolsonaro
Próximo artigoTRF-1 nega liminar e mantém provas do Enem em Mato Grosso