Pedro Taques dá sinais de que não desistirá da política

"Na vida só se morre uma vez, mas na política você nasce e morre várias vezes”, disse o governador, ao finalizar seu discurso durante evento de inauguração de obra

Ex-governador Pedro Taques (Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

A quatro dias de passar o cargo máximo do Executivo mato-grossense para seu sucessor, Mauro Mendes (DEM), após ser derrotado na disputa pela reeleição, o governador Pedro Taques (PSDB) deu sinais de que não deve desistir da política.

Ao encerrar seu discurso durante a inauguração da trincheira entre as Estradas da Guia e da Chapada, nessa sexta-feira (28), o tucano ressaltou: “na vida só se morre uma vez, mas na política você nasce e morre várias vezes”.

Na oportunidade, ele também contou que nos últimos dois meses se reuniu com todos os secretários e adjuntos de seu governo com o intuito de fazer uma única pergunta: se o Estado estava melhor ou pior do que quando assumiu.

“Essa era a única pergunta que me interessava e a resposta muito mais”, declarou. Após elencar números da segurança pública, saúde, educação e infraestrutura, ele disse: “melhoramos muito, mas ainda tem muito a ser feito”.

Ao final do evento, em entrevista à imprensa, o tucano confirmou que a partir do ano que vem voltará às discussões políticas.

“Não vou falar de política este ano de 2018, vou tratar de política no ano que vem. Agora, estou trabalhando para entregar o Estado melhor do que encontramos”.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

O LIVRE ADS