Mauro convida Romoaldo para vice-líder do governo e mantém MDB na base

O governador se reuniu com o partido nessa quinta-feira, pela primeira vez após as eleições

(Foto: Assessoria)

Em reunião para aparar as arestas com parlamentares do MDB na noite dessa quinta-feira (14), o governador Mauro Mendes (DEM) convidou o deputado estadual Romoaldo Junior (MDB) para ser vice-líder do governo na Assembleia Legislativa. Com isso, Mauro assegurou a permanência do partido em sua base de sustentação.

De acordo com a líder do partido na Assembleia, deputada estadual Janaina Riva (MDB) – que vinha liderando a oposição nas principais matérias de interesse do Executivo Estadual -, agora existe uma afinidade com o governo. “Eu acho que com o convite feito a Romoaldo vai melhorar muito a interlocução, o diálogo do partido com o governador”.

Janaina deixou claro, entretanto, que o fato de estar na base não garante a aprovação de todas as matérias do Executivo. “Temos uma Assembleia jovem, renovada e reforçamos que é preciso ter a compreensão de que hoje os deputados são muito cobrados. A gente não pode fazer com que se vote tudo a qualquer custo e o governador entende isso, mas deixamos a certeza de que vamos fazer de tudo para ajudar o Estado. Estamos construindo uma relação de confiança”.

Na oportunidade, a parlamentar ainda assegurou que não houve conversas sobre indicações de cargos. “Eu cheguei até a fazer uma brincadeira de que cargo não é garantia de nada. Exemplo são os ex-colegas de parlamento que tinham muitos cargos na gestão Pedro Taques e praticamente todos perderam a eleição”.

Os emedebistas vinham demonstrando insatisfação com a falta de diálogo do Governo com o partido, bem como com articulações que vinham sendo conduzidas pelo líder do governo na Assembleia Legislativa, Dilmar Dal Bosco (DEM). Essa foi a primeira reunião da legenda com Mauro após as eleições.

Além dos quatro deputados estaduais do MDB, sendo eles ainda Thiago Silva e João de Matos, participaram do encontro os deputados federais Carlos Bezerra e Valtenir Pereira, o secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, e os dirigentes partidários Rafael Bastos e Gonçalo Aparecido de Barros.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorConheça a carreira “fracassada” de artista pop de Brie Larson, a Capitã Marvel
Próximo artigoJoice Hasselmann: “Eu sou um perigo, mas um perigo bom!”

O LIVRE ADS