Empresário sofre infarto ao volante, capota o carro e morre

Um adolescente que estava no veículo ficou ferido, mas foi socorrido consciente

Foto: Reprodução

O empresário Rildo Lorezon, de 50 anos, morreu no início da noite dessa terça-feira (31) após capotar sua camionete, uma Misubishi L200 Triton prata, na Estrada do Formigueiro, via de acesso à BR-070, no Bairro Capão Grande, em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá).

Segundo informações da Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito (Deletran), Rildo seguia no sentido bairro/centro quando, segundo testemunhas, sofreu possivelmente um infarto e perdeu o controle da direção do veículo.

A camionete capotou e parou do outro lado da via, dentro do terreno de um posto desativado.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o Corpo de Bombeiros foram acionados. Rildo, no entanto, morreu na hora.

Já o passageiro, um adolescente de 13 anos, sofreu lesões corporais e foi socorrido e encaminhado consciente pelo Samu ao Pronto-Socorro de Várzea Grande.

Com o acidente, a camionete ficou bastante danificada, assim como a cerca do terreno que o carro invadiu durante o capotamento, que foi derrubada.

O carro e os pertences de Rildo foram entregues à irmã dele. Os bombeiros informaram aos policiais que o empresário tinha permissão para o porte de armas, mas somente foi encontrado o registro da arma em nome dele e um carregador de pistola calibre 380 intactas, a arma não foi localizada.

O caso foi registrado como homicídio culposo na direção de veículo, quando não há intenção de matar.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

O LIVRE ADS