Dieta só na segunda-feira? Nunca mais! O LIVRE lança desafio de emagrecimento

Ao longo de três meses, 10 membros da redação do LIVRE vão receber dicas de um nutricionista e compartilhar os resultados

Foto: lifeforstock - br.freepik.com

Já é um consenso: segunda-feira é o dia mundial da dieta. Em tempos em que a maioria das pessoas está insatisfeita com o próprio corpo, o início da semana acabou se transformando na “data oficial” da retomada de práticas “mais saudáveis” de alimentação. E essa “retomada” só acontece porque, em geral, é difícil se manter na linha nos dias de folga, ou nos dias de stress, ou nos dias que saem da rotina, ou nos dias…

Segundo o nutricionista Gustavo Soares, essas escapadas acontecem porque a alimentação mais saudável é tratada, quase sempre, como uma dieta e não como uma mudança no estilo de vida. Qual a diferença? Dietas costumam ter data para começar e terminar, além de envolverem restrições. Já a mudança de hábito é pra vida toda e, justamente por isso, te permite comer o que dá vontade, mas mantendo a moderação.

“A primeira coisa que as pessoas têm que ter em mente é que elas precisam aceitar o próprio corpo. Isso não significa se conformar com o que se tem agora, mas saber que dá para melhorar sem querer ter o corpo igual ao de outra pessoa. Depois disso, é preciso entender o processo de emagrecimento e aprender a curtir ele”, explica.

Gustavo afirma que é possível adotar rotinas alimentares mais nutritivas, que vão ajudar a perder os quilinhos indesejados sem abrir mão de toda festinha de aniversário ou happy hour com os amigos. O segredo está em não “enfiar o pé na jaca” e aceitar que nem sempre vai dar para seguir à risca o que o nutricionista receitou.

“Todos nós trabalhamos, estudamos ou temos atividades que, às vezes, vão nos obrigar a comer o que tiver para comer. Compreender que aquela refeição fora do previsto não é o fim do mundo é o que separa as pessoas que se mantém na linha das que desistem e comem mais ainda só porque não deu para ter uma salada na hora do almoço”, completa Gustavo.

Desafio LIVRE

Depois de viver na pele muitas dessas situações, 10 integrantes da redação do LIVRE se uniram para tentar atingir um objetivo: iniciar – e manter – um processo de mudança de estilo de vida que, consequentemente, vai resultar em uns quilinhos a menos e em mais satisfação com a estética.

A ideia é que todos se mantenham focados por três meses em uma alimentação guiada pelas dicas de Gustavo Soares. No Desafio LIVRE, tem quem quer emagrecer e também quem deseja ganhar massa muscular. As experiências de cada um ao longo desse período vão se transformar em reportagens publicadas sempre aos domingos.

No início de junho, o resultado será divulgado. Até lá, os avanços e deslizes desses 10 membros da redação serão compartilhados nas redes sociais do LIVRE e também nos perfis pessoais no Instagram dos participantes.

O nutricionista

Foto: Reprodução

Formado pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) há 13 anos, Gustavo Soares é pós-graduado em Alimentação Coletiva e Segurança Alimentar; Nutrição Esportiva e Funcional; e em Fitoterapia Clínica – a ciência que estuda as plantas medicinais.

Gustavo também é ex-atleta de natação – esporte que praticou por 18 anos – e tem formação em Life Coach. Hoje, pratica CrossFit regularmente e conhecido entre seus pacientes como o “nutri que treina”.

Ele atende na Gastrocenter, no bairro Goiabeiras, e no Instituto Jardim, no Jardim Cuiabá, ambos na Capital. As consultas podem ser agendadas, respectivamente, pelos telefones (65) 3614-9500 e 9 8112-7623 (WhatsApp).

 

Conheça os Participantes:

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAos 65 anos e com 45 títulos, fisiculturista fabrica os próprios equipamentos
Próximo artigoVídeo: polícia realiza abordagem em festa e homem é preso com revólver