Arrecadação de Mato Grosso cresceu 23% no 1º quadrimestre

ICMS foi a principal responsável pelo aumento de receita, seguido pela alta de 78% no IPVA pago por donos de veículos

A Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) confirmou as previsões de que o orçamento de Mato Grosso continua a crescer acima dos 20%. Números divulgados nessa quinta-feira (26) mostram que a arrecadação bateu R$ 10,7 bilhões entre janeiro e abril. 

A quantia foi 23,8% maior do que entrou nos cofres públicos no primeiro quadrimestre de 2021. O ICMS foi o principal responsável pelo aumento da receita, com crescimento de 28,3%. 

LEIA TAMBÉM

Os dados confirmam as projeções de que a arrecadação do Estado deve crescer acima do que rendeu de 2020 e 2021. Nesse período, o orçamento passou de R$ 23,8 bilhões para R$ 28,5 bilhões 

Conforme Sefaz, o IPVA foi outro imposto que contribuiu para a alta nos primeiros meses deste ano. O montante arrecadado chegou a R$ 460 milhões (78%). De janeiro a abril do ano passado, foram R$ 258 milhões. Parte desse montante está vinculado ao reajuste da tabela Fipe. 

O cenário de incremento fiscal fez o repasse para os municípios crescer 31% neste ano. A soma do dinheiro transferidos para as prefeituras passou de R$ 1,4 bilhões, em 2021, para R$ 1,9 bilhão. 

O vice-líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado estadual Wilson Santos (PSD) diz que o governo tem mais de R$ 6 bilhões de superávit no caixa. Cerca de um terço estaria na Fonte 100.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGuedes afirma que Bolsonaro fará privatizações caso seja reeleito
Próximo artigoTeste de contato: o que é e como é usado para alergias