Teste de contato: o que é e como é usado para alergias

Você já ouviu falar do teste de contato para identificar alergias?

É um teste de reação da pele usado ​​para diagnosticar alergias, para descobrir a causa, e assim, realizar o melhor tratamento.

Está precisando, mas não sabe o melhor lugar para fazer o teste alergia no Rio de Janeiro?

Não se preocupe, você pode realizar o teste de alergia em Duque de Caxias.

Para saber mais sobre os testes de alergia, como funcionam e onde fazer, continue lendo.

Como ocorre uma avaliação de alergia?

A avaliação alérgica consiste na identificação dos alérgenos responsáveis por uma reação alérgica, na maioria das vezes por testes de pele.

É então possível limitar sua exposição aos alérgenos envolvidos.

O que é alergia?

Alergia é uma reação inadequada do corpo quando exposta a uma substância estranha que normalmente é bem tolerada.

Esta substância é chamada de alérgeno.

Durante uma primeira exposição a um alérgeno, o corpo produz anticorpos especiais, chamados de imunoglobulina E (IgE).

Este último identifica o alérgeno em questão e se liga a certas células de defesa do corpo.

Este período de sensibilização não é acompanhado de nenhum sintoma e sua duração é variável.

Então, durante um novo contato com o alérgeno, ele cruza o caminho das células que carregam esses IgE e as estimulará, resultando na liberação de mediadores como histamina.

Isso causa uma reação inflamatória e sintomas (rinite, ataque de asma, vômito, diarreia…) que aparecem em poucos minutos na maioria das vezes (menos de duas horas) daí o nome da alergia imediata: é a reação alérgica.

Os diferentes testes alérgicos

Seu médico alergista pode prescrever um check-up de alergia quando é apresentada uma forte associação entre a exposição ao alérgeno e a ocorrência de seus sintomas.

O alergista irá realizar testes para identificar precisamente os alérgenos envolvidos.

Testes de pele de alergia: testes de picada

Alérgenos testados

Testes de pele testam a reação da pele ao contato com uma quantidade muito pequena de alérgenos para descobrir se a pessoa está sensibilizada com certos alérgenos.

Eles são rápidos e confiáveis.

 Os principais alérgenos testados são:

  • Ácaros;
  • Pólens de gramas e plantas herbáceas;
  • Pólens de árvores;
  • Pelos de animais como gatos e cães;
  • Alergênicos alimentares;
  • Outros alérgenos cujo papel é sugerido pelo contexto da vida e pelo interrogatório da suposta pessoa alérgica.

Em crianças menores de 3 anos, além de testes anteriores, são testados amendoins, clara de ovo, peixe e leite de vaca.

O teste de pele mais usado é o teste de picada.

Este teste é realizado em uma área de pele saudável (antebraço, braço, costas) e utilizando uma microlance.

Uma gota de vários alérgenos é colocada na pele, e então a pele é picada ligeiramente através de cada gota de modo a introduzir a substância à epiderme.

O mesmo é feito com produtos de controle para que os resultados entre alérgenos e controles possam ser comparados.

Em caso de alergia, induração, inchaço e vermelhidão acompanhados de coceira aparecem após alguns minutos no local da injeção do alérgeno.

A leitura do teste ocorre após 15 minutos e consiste em medir o diâmetro da induração e vermelhidão.

Ele compara reações entre zonas de injeção de “alérgenos” e “controles”.

O teste é considerado positivo se o diâmetro da induração for superior a 3 mm em comparação com o controle negativo cujo diâmetro é zero. Assim, determina os alérgenos aos quais a pessoa é sensível.

O teste de picada é geralmente muito bem tolerado. Às vezes, reações locais extensas, urticária generalizada, sintomas de alergia como rinite, ataque de asma são observados.

Teste de picada: Que precauções tomar antes de ser realizado?

Algumas situações exigem o adiamento de um teste de picada:

  • Se você está tomando anti-histamínicos por causa de sua alergia, seu médico pedirá que você pare esses medicamentos alguns dias antes do teste;
  • Se você tiver um surto de eczema ou asma grave ou instável, o teste é temporariamente contraindicado;
  • Durante o período de gestação é necessário adiar o teste.

Exames de sangue alérgicos: determinação de IgE específico

Este teste, que requer um exame de sangue, é realizado quando os resultados dos testes de pele não são conclusivos para tentar identificar os alérgenos desencadeando sua reação alérgica.

Uma dosagem de IgE (anticorpos imunoglobulina E) específicos para certos alérgenos.

O teste de provocação

O objetivo deste teste é reproduzir sintomas de alergia após a administração do alergênico suspeito.

Este teste, potencialmente perigoso devido ao risco de uma reação alérgica intensa, só é utilizado durante dificuldades diagnósticas de alergia.

 É realizado sob supervisão em ambiente hospitalar.

Qual é a eficácia dos testes para manejo da alergia?

Identificar os alérgenos responsáveis pelas manifestações de alergia pode, por vezes, limitar a exposição a esses fatores.

Em alguns casos, você pode ser oferecido dessensibilização. Isso consiste em gradualmente acostumar seu corpo à presença do alérgeno para que ele possa tolerá-lo.

Essa tolerância imunológica ao alérgeno é alcançada administrando doses progressivamente crescentes do alérgeno.

Rinite, conjuntivite, urticária… Tantas reações alérgicas irritantes que requerem testes específicos para determinar os agentes causadores.

 Para que os testes de alergia são usados?

Os testes de alergia são usados para confirmar ou descartar o diagnóstico e determinar a qual alergênico o corpo está respondendo.

Dependendo dos resultados, o alergista pode prescrever tratamento de sintomas ou tratamento de dessensibilização e fornecer conselhos preventivos.

Como faço o teste de contato?

O teste de contato é feito em uma área de pele saudável, onde a alergia não é evidente.

Geralmente são aplicados alguns alérgenos muito comuns, além de alguns específicos que o médico identifica questionando o paciente sobre hábitos diários.

Os alérgenos são misturados com uma substância hipoalergênica básica, com concentração mínima e, portanto, livre de riscos mesmo no caso de alergias graves.

As manchas são então colocadas em contato direto com a pele, muitas vezes na parte superior das costas.

Com uma fita adesiva, eles são fixados na pele marcando os locais, onde são substâncias mais suspeitas.

Tudo deve ser mantido por até 96 horas: o médico alergista realiza três leituras em 48h, 72 e 96 horas. 

A área não deve ser lavada e atividade motora intensa não é recomendada: suor ou um movimento agudo podem fazer com que o adesivo saia.

Além disso, as manchas não devem ser expostas à luz solar ou outras fontes de UV, raios ultravioletas.

Quando fazer testes?

Assim que você tiver os sintomas de uma alergia.

Em caso de insuficiência, o paciente deve ser encaminhado a um alergista.

Teste de alergia no Rio de Janeiro

Para teste de alergia no Rio de Janeiro, Duque de Caxias é o lugar onde você vai encontrar os melhores alergistas para realizar os testes mencionados acima.

A Clínica Brasil Sem Alergia é especializada no tratamento de doenças alérgicas.

É o lugar mais indicado para você ir, caso tenha problemas com crises alérgicas.

Você pode obter mais informações e conhecer melhor o projeto Brasil Sem Alergia acesso o site.

Para agendar uma consulta em Duque de Caxias RIO DE JANEIRO você pode ligar

Telefone: +55 (21) 4063-8720 ou WhatsApp: +55 (21) 99374-2042.

Ou para conhecer a clínica você pode ir pessoalmente na Rua Conde de Porto Alegre, 155

25 de agosto, RJ.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorArrecadação de Mato Grosso cresceu 23% no 1º quadrimestre
Próximo artigoHambúrguer gourmet é opção para inovar no preparo de pratos em casa