Adolescente conta ter sido assediada por padrasto e mãe se vira contra ela

"Não vou ficar sozinha e sem namorado por sua causa", disse a mãe, que quebrou o celular da filha

Imagem ilustrativa

O pai de uma adolescente de 15 anos procurou a polícia nessa quarta-feira (12), em Cuiabá, para contar que sua filha ligou para ele aos prantos dizendo ter sido assediada pelo padrasto e que, ao contar para a mãe, esta ficou brava e ainda quebrou o celular da menina.

Segundo o relato do pai, a filha contou que reclamou para a mãe que o namorado dela a estava olhando e lhe mandou mensagem fazendo elogios e insinuando que ficou muito animado em ver a adolescente dançando.

A menina contou para a mãe por se sentir constrangida com a fala do padrasto e incomodada com as mensagens e olhares dele, mas a mãe ficou revoltada com a reclamação da filha.

Segundo a filha, ao invés de apoiá-la, a mãe disse que não ia ficar sozinha e sem namorado por causa dela, quebrou o celular da adolescente e lhe deu um empurrão.

A adolescente ligou para o pai chorando e contou o ocorrido. Este, então, procurou a polícia e registrou um boletim de ocorrência por assédio sexual.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorR$ 700 milhões em multas
Próximo artigoDepoimento especial: como evitar mais trauma à criança vítima e testemunha de violência?