Senai Mato Grosso reabre unidade em Cáceres nesta quarta-feira (1º)

Foram 15 meses de suspensão das atividades após Governo Federal cortar a contribuição compulsória das indústrias

(Foto: Divulgação / Senai-MT)

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) reabre, no dia 1º de setembro, às 14h, a unidade de Cáceres (a 220 km de Cuiabá). A retomada acontece após 15 meses de suspensão das atividades.

A paralisação dos serviços aconteceu devido à decisão do Governo Federal de cortar em 50% da contribuição compulsória das indústrias.

A unidade cacerense é considerada essencial para promover a qualificação profissional na região oeste do Estado e ainda aumentar a competitividade do setor.

O presidente do Sistema da Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso (Fiemt) e do conselho do Senai MT, Gustavo Oliveira, destaca que a decisão foi pautada em muitas análises e conversas com a administração municipal e indústrias da região.

“Cáceres é um município estratégico para o desenvolvimento da economia de Mato Grosso, e o Senai está pronto para contribuir nesse processo, proporcionando mais qualificações e, consequentemente, emprego e geração de renda, além do suporte às indústrias em consultorias e diversos outros serviços”.

Ele explica ainda que, apesar do fechamento temporário, as indústrias da região continuavam sendo atendidas com ações e, agora, o Senai irá ampliar a atuação e oferecer diversos cursos profissionalizantes, graças a retomada da atividade econômica no período pós-pandemia e ao apoio de sindicatos locais e da prefeitura.

O plano de retomada das atividades inclui, inicialmente, a oferta de cursos combos como Excel completo, operador de computador básico e intermediário, assistente administrativo com informática, costureiro de alta moda e de qualificação eletricista em comandos elétricos, entre outros. A média de duração é de três meses.

De acordo com a diretora do Senai MT, Lélia Brun, a ampliação do portfólio de cursos e formações será de forma gradativa e conforme necessidade e planejamento da unidade.

“Estamos empolgados com esse retorno, já que é nosso papel oferecer oportunidades para jovens e adultos de capacitação em diversas áreas técnicas e de alta demanda por profissionais qualificados, além de aumentar suas chances de conquistarem uma vaga de emprego ou de se tornarem mais competitivos no mercado”, argumenta.

Convênio

No início de agosto, Fiemt, Senai MT e prefeitura do município assinaram convênio para a realização de um projeto que vai oferecer cerca de 1 mil vagas para cursos profissionalizantes nas áreas de alimentos e bebidas, construção civil, metalomecânica, entre outros.

Convênio vai oferecer cerca de mil vagas para cursos profissionalizantes (Foto: Divulgação / Senai-MT)

Denominado Programa de Qualificação Profissional, a iniciativa será 100% gratuita e oferecida para adolescentes, mulheres e pessoas em situação de vulnerabilidade socioeconômica, além de profissionais empreendedores que estão em busca de qualificação para a geração de renda, visando o ingresso no mercado de trabalho e a inclusão social.

“Cáceres estava precisando desse momento. Nossos jovens precisam de qualificação, nossa cidade está cheia de novos empreendedores e esse projeto só trará benefícios para a população”, destacou na ocasião a prefeita de Cáceres, Eliene Liberato.

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMais vacinas: Instituto Butantan entrega mais 10 milhões de doses da CoronaVac
Próximo artigoO poder é dEle