Pesquisa determina quais os melhores países do mundo para se viver em 2020

Os melhores países para viver bem

Todo ano temos as listas de melhores países para se viver no mundo, contando com IDHs sempre bastante altos em ordem decrescente: do melhor ao pior.

O quinto ano dessa pesquisa acabou de ser publicado. As classificações do ranking de 2020 baseiam-se em como as percepções globais definem os países em termos de uma série de características qualitativas e que afetam diretamente as economias nacionais.

O estudo e o modelo usado para pontuar e classificar os países foram desenvolvidos pelo Grupo BAV e pela Escola Wharton da Universidade da Pensilvânia, especificamente pelo professor David J. Reibstein, em consulta ao U.S. News & World Report.

Cada país foi pontuado em cada um dos 65 atributos do país, com base em uma coleção de respostas individuais à pesquisa. Quanto mais um país exemplifica uma determinada característica em relação à média, maior a pontuação do atributo no país e vice-versa.

Os atributos foram agrupados em nove sub-subgrupos que entraram no ranking: Aventura, Cidadania, Influência Cultural, Empreendedorismo, Patrimônio, Mudanças, Aberto a Negócios, Poder e Qualidade de Vida.

Curiosamente o Brasil aparece no 28° lugar tendo como destaque o primeiro lugar no quesito Aventura e bem posicionado na Influência Cultural e Mudanças, mas, por outro lado, bem na no limite da fila de Aberto à Negócios e Qualidade de Vida.

Confira a lista completa:

Rank País
1 Suíça
2 Canadá
3 Japão
4 Alemanha
5 Austrália
6 Reino Unido
7 Estados Unidos
8 Suécia
9 Países Baixos
10 Noruega
11 Nova Zelândia
12 França
13 Dinamarca
14 Finlândia
15 China
16 Cingapura
17 Itália
18 Áustria
19 Espanha
20 Coreia do Sul
21 Luxemburgo
22 Emirados Árabes Unidos
23 Rússia
24 Portugal
25 Índia
26 Tailândia
27 Grécia
28 Brasil
29 Israel
30 Catar
31 Arábia Saudita
32 Malásia
33 México
34 Polônia
35 Peru
36 Egito
37 República Checa
38 Costa Rica
39 África do Sul
40 Marrocos
41 Indonésia
42 Argentina
43 Vietnã
44 Croácia
45 Filipinas
46 Chile
47 Peru
48 SriLanka
49 República Dominicana
50 Panamá
51 Colômbia
52 Eslováquia
53 Quênia
54 Romênia
55 Estônia
56 Eslovênia
57 Mianmar
58 Bulgária
59 Lituânia
60 Bolívia
61 Azerbaijão
62 Letônia
63 Equador
64 Jordânia
65 Guatemala
66 Cazaquistão
67 Gana
68 Ucrânia
69 Tunísia
70 Bielorrússia
71 Omã
72 Sérvia
73 Líbano

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPlanejando a casa própria? Separamos sete dicas de como escolher o imóvel ideal
Próximo artigoDireito do agronegócio: a demanda é crescente e faltam advogados especializados