MT teve o maior número de empregados do país em 2020

Estado conseguiu manter a taxa de desocupação abaixo do recorde histórico, em um ano que o Brasil teve média acima de 50%

(Foto: Reprodução)

Mato Grosso encerrou 2020 com a maior proporção da população empregada no Brasil. Em um ano marcado pela paralisação econômica por mais três meses, diante da pandemia do novo coronavírus, o Estado também manteve o desemprego abaixo da média histórica. 

A taxa de ocupação de Mato Grosso foi de 58,7%, o que representa mais de 1,5 milhão de pessoas, em idade economicamente ativa, em postos de trabalho.

Os dados na Pesquisa Nacional de Amostra por Domicílios (Pnad) divulgada nesta quarta-feira (10), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 

Conforme o estudo, 15 Estados chegaram ao fim de 2020 com menos de 50% da população empregada, a situação levou a um novo recorde de desemprego no país. Mato Grosso, no entanto, puxou o resultado positivo para 11 Estados e o Distrito Federal. A média brasileira ficou em 49,4%, foi a primeira vez que percentual ocorreu. 

No quarto trimestre do ano (outubro a dezembro), Mato Grosso tinha 76,6% da população com 14 anos ou mais empregados com carteira assinada. Outros 40,8% dos trabalhadores estavam em atividade informal. 

Paralelamente, o volume de desemprego ficou 9,7% da população, a quarta menor taxa brasileira, atrás de Santa Catarina (6,1%), Rio Grande do Sul (9,1%) e Paraná (9,4%). Já o percentual de desalentados foi a menor no país (1,4%). 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMinistro manda ao pleno do STF ação contra reajuste dos salários do Judiciário de MT
Próximo artigoJanaina testa positivo para covid-19