Jovem aceita carona de moto-taxista e é estuprada

Vítima descreveu o suspeito como gordo, usando óculos e com um capacete com o número 144

Imagem ilustrativa

Uma jovem de 28 anos foi vítima de estupro na madrugada desta terça-feira (14) ao aceitar carona de um suposto moto-taxista no Bairro Jardim Santa Rosa, em Rondonópolis (220 km de Cuiabá).

A Polícia Militar foi acionada por um homem para quem a vítima pediu ajuda dizendo ter sofrido abuso sexual. Ela bateu na porta da casa desse morador pedindo por socorro.

Quando os policiais chegaram no local, encontraram a jovem muito abalada, chorando muito e, segundo os militares, aparentemente embriagada.

Ela relatou que estava em uma festa de aniversário de uma amiga no Bairro Sumaré e resolveu ir embora a pé. No caminho foi parada por um moto-taxista oferecendo carona até a casa dela.

Ela aceitou. Porém, ele desviou o caminho e a levou até o Bairro Santa Rosa, em uma rua bem escura, onde a estuprou usando a força física. Ela disse ter pedido para que ele parasse, mas ele continuou.

A jovem descreveu o suspeito como gordo, usando óculos e com um capacete de moto-taxista com o número 144, mas sem colete. Ela não soube descrever o modelo da motocicleta dele, apenas que era alta. O capacete que ela usou ele levou.

A vítima foi levada para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde passou por atendimento médico e foi comprovado o estupro.

O caso foi registrado como estupro e será investigado pela Polícia Civil.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorRiva, Bosaipo e mais quatro têm 15 dias para pagar R$ 44,9 milhões à Justiça
Próximo artigoDepois de difamação, Jean Wyllys é condenado a indenizar empresário Otávio Fakhoury