Guerra dos ônibus

Guilherme Maluf perde a relatoria do processo da licitação do transporte

Imagem Ilustrativa (Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

O conselheiro Guilherme Maluf, do Tribunal de Contas do Estado, perdeu nesta terça-feira (13) a relatoria do processo que barrou a licitação emergencial do transporte intermunicipal de Mato Grosso.

Em decisão liminar o conselheiro havia atendido as chamadas empresas precárias e barrado o certame emergencial feito pelo governo.

No entanto, o conselheiro Luiz Henrique Lima entendia que Maluf não era o ‘juiz natural’ do processo e que não poderia conceder a liminar barrando o certamente. Destacou que já havia com ele seis processos da licitação.

O conflito de competência foi julgado nesta terça e Luiz Henrique ganhou o processo.

A expectativa do governo é de reverter a decisão nos próximos dias e permanecer com a licitação, que reduziu em até 50% o valor da passagem do intermunicipal.

Leia também

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAtividades culturais movimentam Centro Histórico durante a semana
Próximo artigoLei pode aumentar prazo de licença-paternidade para policiais militares

O LIVRE ADS