Coronavírus: mais de 30 voos são cancelados no Aeroporto Marechal Rondon

Ao todo, 36 voos - entre decolagens e pousos - foram cancelados nesta segunda-feira

Imagem Ilustrativa (Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

Com o avanço do coronavírus pelo Brasil, companhias aéreas decidiram cancelar grande parte dos voos em todo o país. No Aeroporto Internacional Marechal Rondon, em Várzea Grande (Região Metropolitana de Cuiabá), 36 voos – entre decolagens e pousos – foram cancelados, nesta segunda-feira (23).

Veja a lista completa no site da Infraero.

Entre as chegadas canceladas estão voos vindos de Guarulhos e Campinas, ambas cidades de São Paulo, que é o Estado com o maior número de casos da Covid-19 no país. Lá, já foram registradas 22 mortes pela doença.

LEIA TAMBÉM

Segundo o Ministério da Saúde, Mato Grosso é o terceiro Estado no país com o menor número de casos confirmados, sendo dois até agora. Fica atrás somente do Amapá e da Paraíba, com um caso cada.

Maranhão, Tocantins e Roraima também registraram dois casos.

Para remarcação dos voos cancelados, a orientação da Infraero é que o passageiro faça contato com sua empresa aérea. Mais instruções na página do órgão.

Orientação para passageiros

Para quem não teve o voo cancelado e vai seguir viagem, a Infraero emitiu orientações. Uma delas trata da frequente higienização das mãos com água e sabonete.

Quando as mãos não estiverem visivelmente sujas, pode ser utilizado álcool em gel. Nesse sentido, a disponibilidade do produto, sabonete líquido e papel toalha nos terminais da Infraero está sendo monitorada.

Essas medidas devem ser associadas ao uso de lenço descartável para limpeza de nariz e cobertura de nariz e boca quando espirrar ou tossir.

Outra recomendação das entidades de saúde é evitar tocar o rosto.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorConfira todas as medidas trabalhistas adotadas para período de calamidade pública
Próximo artigoTransporte coletivo opera com 110 carros em Cuiabá e 40 em Várzea Grande