Confiante? Índice que mede otimismo do comerciante cuiabano cresce em março

Do total de entrevistados, 80,6% disseram que vão aumentar o quadro de colaboradores

(Foto: Lukas / Pexels)

Aparentemente, o comerciante cuiabano está confiante. Depois de registrar duas quedas mensais, o índice que mede o otimismo de quem trabalha no setor aumentou em março. A alta é tímida: 0,7% em relação a fevereiro. Ao todo, o indicador atingiu 123,4 pontos, contra os 122,6 do mês anterior.

A pesquisa mostrou que mais comerciantes estão prevendo investimentos futuros. A alta foi de 1,9% no mês e atingiu 111,5 pontos. Ainda assim, os dados atuais também são inferiores se comparados a março passado, quando registrou-se 117,3 pontos.

Questionados sobre a expectativa de contratação de funcionários, dos 181 empresários entrevistados na Capital, 80,6% disseram que vão aumentar o quadro de colaboradores e 19,3% afirmaram que vão reduzir.

A coleta dos dados da pesquisa ocorreu nos 10 últimos dias do mês de fevereiro, quando os empresários manifestaram o nível de confiança para o mês de março.

Otimista, mas nem tanto

Apesar da alta na confiança, os componentes que avaliam as condições atuais da economia e do comércio tiveram resultados negativos na pesquisa de março, de 2,9% e de 0,7%, respectivamente.

De acordo com a análise da Fecomércio-MT, o aumento de casos da covid-19 em todo país e as implementações de medidas restritivas podem ter contribuído para o aumento da desconfiança do setor.

LEIA TAMBÉM

A agilidade na vacinação é uma necessidade para o setor, na avaliação do presidente da instituição, José Wenceslau de Souza Júnior. Além disso, ele cobra medidas que preservem a manutenção das empresas em todo Estado.

“Encaminhamos ofício ao governador propondo medidas que amenizem os impactos nas atividades econômicas do estado. Entre elas, está maior prazo para o recolhimento de impostos, prorrogação de validade de certidões, redução ou isenção de taxas e financiamentos com baixo custo”, disse.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCasos de covid-19 podem dobrar em MT até setembro, diz estudo
Próximo artigoAdolescente de 15 anos é acusado de estuprar menino de cinco anos