Com restaurantes fechados, empresários criam festival gastronômico por delivery

E se o cliente quiser retirar no balcão, ganha 10% de desconto

Empresários do ramo gastronômico estão tendo que se reinventar para manter produtividade. A saída que muitos têm encontrado é manter a cozinha aberta, atendendo por delivery.

Então, com os restaurantes fechados, membros da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), se uniram para realizar a segunda edição do Festival Gastronômico em comemoração ao aniversário de Cuiabá, só que desta vez, por delivery.

Pratos desenvolvidos especialmente para ocasião são ofertados a preços promocionais entre os dias 7 e 21 de abril. Participam do festival, restaurantes, padaria, pizzarias e hamburguerias de Cuiabá, Várzea Grande e Chapada dos Guimarães.

São eles: Alecrim, BGB, Choppão, Deguste, Pancho Villa, Essência Cuiabana, Galeto Cuiabano, Japidinho, Lig China, Mirante das Águas, Original, Pomodori, Santos Chapada, Varadero, Parmeggiana, Santa Oliva, Cupim Bar, Filippo, Marollo, Money Money, Rock Burger, Santô, Sorella, Taberna Portuguesa e Manjericão.

De acordo com a presidente da Abrasel em Mato Grosso, Lorenna Bezerra, a associação decidiu manter o festival, para fortalecer o consumo pelo delivery e a criatividade dos chefs.

“A proposta é uma maneira de lembrar que ainda temos o que comemorar e homenagear nossa Cuiabá, levando alimentação saudável de forma segura, a fim de evitar aglomerações”.

Desconto para retirada no balcão

Segundo Lorenna, quem fizer a retirada do prato no local de compra ganha 10% de desconto.

“O festival terá uma ampla variedade gastronômica e com sabores e ingredientes essencialmente cuiabanos, oferecidos a preços acessíveis, com pratos individuais e para família”, explica.

Quer mais informações? Siga a Abrasel no Instagram, clicando aqui.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVelórios e enterros em tempo de coronavírus: veja como ficam as regras em Cuiabá
Próximo artigoMotociclista atropela criança que brincava na rua e quase é linchado

O LIVRE ADS