Aliado de Bolsonaro quer substituir animais por personagens históricos nas cédulas de real

O deputado federal Victorio Galli argumenta que esse é um dos primeiros passos a serem dados pelos conservadores em busca da valorização das tradições no Brasil

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Aliado do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), o deputado federal por Mato Grosso Victório Galli (PSL) apresentou um requerimento à Câmara Federal, nesta terça-feira (30), solicitando a substituição dos animais que aparecem nas cédulas de real por personagens que fizeram parte da história do Brasil.

Na indicação, que deve ser enviada ao Ministério da Fazenda, o parlamentar solicita a impressão de novas cédulas pelo Banco Central, sob o argumento de que o resgate histórico de heróis nacionais é um dos primeiros passos a serem dados pelos conservadores, em busca da valorização das tradições.

Os nomes sugeridos por Galli, que disputou sem sucesso a reeleição em Mato Grosso, são José Bonifácio, Mário Ferreira dos Santos, Princesa Isabel, Dom Pedro I, Dom Pedro II, Marechal Cândido Rondon, Machado de Assis, Doutor Plínio Corrêa de Oliveira e Pastor Manoel da Conceição.

Hoje, o real homenageia a fauna brasileira ao ilustrar a garça branca na cédula de R$ 5, a arara vermelha na de R$ 10, o mico-leão dourado na de R$ 20, a onça-pintada na de R$ 50, e a garoupa na nota de R$ 100.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

O LIVRE ADS