VG não pediu vacina por Copa América

Prefeito diz que conversa com ministros em Brasília foi sobre acelerar imunização em Estados com fronteira internacional

Prefeito Kalil Baracat (Foto: Prefeitura de VG)

O prefeito de Várzea Grande Kalil Baracat (MDB) disse que a conversa com ministérios em Brasília sobre vacinas a mais para o município não aconteceu em torno da realização da Copa América. 

“A conversa sempre foi sobre o estudo de imunização mais rápida dos Estados com fronteira com outros países, não teve nada sobre a Copa América. O prefeito pediu porque Cuiabá já tinha pedido”, afirmou a assessoria. 

Informação levantada pelo LIVRE indica que Baracat considera “improvável” a abertura de Plano Nacional de Imunização (PNI) para beneficiar as cidades-sedes da Copa América. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGloboplay produzirá documentário sobre Juliette do BBB 21
Próximo artigoBlazer Feminino é o look de inverno que garante sofisticação