Vendas do Dia das Mães aumentam 13% em comparação com 2019

Uma das principais datas para o comércio apresentou número positivos em comparação com o ano de 2019, quando não havia pandemia

(Foto: Reprodução/ Mercado e Consumo) CDL prevê que a média de gastos com presentes fique em R$ 180, 22% a menos que o registrado em 2019

As vendas no comércio de Cuiabá para o Dia das Mães superaram as expectativas dos empresários. Um levantamento da CDL constatou crescimento de 13% nas vendas em comparação com 2019, quando não se tinha pandemia. A análise foi feita no período de 03 a 09 de maio.

Para a CDL Cuiabá ainda, o aumento significativo nas vendas mostra a possibilidade de ser o recomeço de um ciclo positivo para a economia.

O comparativo com o ano de 2019 é explicado pelas quarentenas obrigatórias vividas em 2020. Na época, “apenas algumas atividades empresariais de portas abertas por conta da pandemia, então, na ocasião o volume de vendas ficou muito prejudicado”, explica a CDL.

À época, os percentuais apresentaram queda acima de -40%.

O que dizem os comerciantes?

A avalição em relação às vendas foram positivas por parte dos empresários. Daniel de Matos, por exemplo, do ramo de produtos de beleza, cuidados e higiene, afirmou que desde o inicio do mês de maio as vendas já vinham apresentando crescimento.

“Já estavam próximos a 2019, que é a nossa referência e isso nos deixou bem animados e esperançosos de que de fato seja a retomada da nossa economia”, disse.

Já para Gilson Siqueira, do ramo de calçados e confecções, o horário estendido de atendimento foi essencial para o aumento nas vendas. “Os números foram muito positivos e pudemos contar com fatores que ajudaram e muito para alavancarmos as vendas, como o frio e o horário estendido”.

(Com Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDefensoria Pública solicita que grávidas sejam vacinadas com Pfizer ou Coronavac em MT
Próximo artigoJustiça mantém condenação de ex-vereador por desvio de R$ 4,8 milhões