Três homens morrem em rodovia após troca de tiros com a Força Tática

Com os acusados foram encontradas três armas de fogo, sendo uma pistola 380 e dois revólveres, um calibre 38 e um 32

Foto: André Moraes

Três homens morreram após uma troca tiros com policiais militares da Força Tática, na MT-242, em Sorriso (400 Km de Cuiabá), no início da noite de domingo (12). Os suspeitos estavam em um Renault Clio, quando receberam ordem de parada, mas não obedeceram e efetuaram disparos contra os militares.

“Recebemos uma denúncia anônima de que uma quadrilha fortemente armada estava se descolando para a cidade de Tapurah, para realizar um roubo a uma residência de alto padrão. Imediatamente a Força Tática fez uma barreira na rodovia que liga os municípios e localizaram o veículo apontado pelo informante e realizou a ordem de parada, que não foi obedecida”, explicou o tenente coronel Jorge Almeida.

Ainda de acordo com Jorge, os suspeitos já desceram do automóvel atirando contra a polícia.

“Durante a troca de tiros, iniciada pelos acusados, um morreu ainda no local, enquanto os outros dois foram encaminhados ao Hospital Regional, mas não resistiram aos ferimentos”, contou.

O tenente ressaltou também que um dos criminosos tinha diversas passagens pela polícia e seria morador de Sorriso. Os outros dois homens, possivelmente residiam em Sinop.

“Visualmente reconhecemos um dos envolvidos. Agora a perícia vai apontar a identidade dos três de maneira formal. A pessoa que realizou a denuncia apontou que em Tapurah eles teriam ajuda de outros suspeitos. Iremos investigar o caso para chegar aos demais suspeitos”, relatou, lembrando ainda que nenhum policial ficou ferido durante a operação.

Com os acusados foram encontradas três armas de fogo, sendo uma pistola 380 e dois revólveres, um calibre 38 e um 32. A Polícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) esteve na rodovia para analisar o local. O caso deve ser investigado.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMinistério da Saúde lança edital para o Programa Mais Médico
Próximo artigoNelore do Brasil discute o fortalecimento da cadeia produtiva da carne em MT