STJ julga volta de conselheiros

De sete membros do TCE, cinco estão afastados desde 2017, acusados de corrupção

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

O futuro de cinco conselheiros do Tribunal de Contas do Estado (TCE) deve ser decidido na tarde desta quarta-feira (4). Dos sete membros do tribunal, cinco foram afastados na Operação Malebolge, em setembro de 2017.

Recursos pedindo a suspensão do afastamento foram protocolados no Superior Tribunal de Justiça (STJ), que agendou a análise de ao menos três deles.

Por determinação judicial, estão afastados os conselheiros Antonio Joaquim, Sérgio Ricardo, Waldir Teis, Valter Albano e José Carlos Novelli.

Em agosto veio à tona manifestação do vice-procurador-geral da República, Luciano Mariz Maia, que pediu agilidade no julgamento. Nessa segunda-feira (2), a ministra Carmem Lúcia, do Supremo Tribunal Federal.

A principal tese das defesas é que já faz mais de dois anos que os conselheiros estão afastados e, até o momento, o caso não teve andamento.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorLadrões furtam TV do Hospital Estadual Santa Casa de Cuiabá
Próximo artigoVídeo | Amarelinhos atropelam motociclista e prefeito promete punição