Pesquisa aponta que namoro online pode manter saúde mental na pandemia

Quase 30% das pessoas revelaram medo de não saber mais agir ao ter encontros presenciais

(Foto: Ylanite Koppens / Pexels)

Manter um relacionamento online pode ter um impacto positivo na saúde mental durante a pandemia. Essa foi a conclusão de 42% dos usuários de uma plataforma que promove “conexões” entre pessoas.

A ideia do estudo era entender quais as principais preocupações dos solteiros quando se trata de relacionamentos.

Uma das descobertas da pesquisa foi que o longo período de distanciamento social provou uma queda na autoestima de 39% dos entrevistados. E isso pode ser explicado por outro dado: 32% passaram a cuidar menos da aparência, já que passam muito mais tempo em casa.

Para 27% dos entrevistados, o distanciamento social tem causado também o receio de não saber como agir ao encontrar as pessoas novamente.

E sem uma perspectiva de quando as restrições vão acabar, 31% dos solteiros têm receio de que a pessoa com quem estão se relacionando perca o interesse neles com o passar do tempo.

Dentro desse contexto, 46% dos que participaram do estudo disseram que conhecer novas pessoas – ainda que de forma online – tem sido uma grande ajuda.

A pesquisa foi realizada pelo Badoo, um aplicativo para criar conexões sinceras.

(Com Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMato Grosso receberá 55,6 mil doses da CoronaVac nesta quarta
Próximo artigoJuiz aposentado morre de covid