“Não pode depender da fé”, diz Bia Kicis sobre urna eletrônica

Deputada defendeu meios de tornar o processo eleitoral mais brasileiro mais transparente

(Foto: Agencia Brasil)

Na manhã desta quarta-feira (09), a deputada federal e procuradora do Distrito Federal, Bia Kicis, defendeu meios para tornar o processo eleitoral brasileiro mais transparente. Pelo Twitter, a deputada afirmou que o sistema brasileiro eleitoral precisa melhorar e que há dúvidas sobre a falta de segurança das urnas eletrônicas.

“Eu não tenho a menor dúvida de que o sistema eleitoral pode ser fraudado”, disse Bia Kicis.

A deputada afirmou que é preciso garantir mais segurança e transparência nas urnas para “pacificar” o sistema eleitoral brasileiro.

“Sistema eleitoral não é religião, não é dogma, não pode depender de fé, de oração, de reza. E tem que ser livre de qualquer dúvidas; só assim iremos pacificar as eleições no Brasil”, concluiu a procuradora.

Veja o vídeo

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorApós 23 anos, Justiça condena mulher a pagar R$ 192 mil por acidente de trânsito
Próximo artigo“Foi uma armadilha para o Brasil”, diz Guedes sobre Mercosul