Mulher se livra de viagem ao epicentro do coronavírus após cachorro morder passaporte

Cachorrinho pode ter salvado vida da dona de destino trágico

Cachorros comem papéis importantes todos os dias desde que o mundo é mundo. Entretanto, por conta de um ato de compulsão de um golden retriever, sua dona acabou salva de ir para Wuhan, o epicentro do surgimento do coronavírus que tem assustado diversos países.

O fiel cachorrinho chamado Kimi comeu o passaporte de sua dona momentos antes do embarque do voo para Wuhan. A dona de Kimi contou no Facebook que ficou furiosa quando viu o documento rasgado, mas depois, veio a revelação da doença.

“Vocês se lembram do que aconteceu com meu passaporte? Retrocesso: esse garoto está realmente me protegendo. Depois que meu passaporte foi rasgado, o vírus apareceu na cidade para onde eu originalmente planejava ir. Agora que eu penso nisso, é muito emocionante. Felizmente, você [o cachorro] cancelou nossa viagem”, escreveu nas rede social.

A dona do Golden Retriever ainda deixou uma mensagem importante: “Espero que pessoas de todo o mundo possam sobreviver a essa crise do vírus”, disse ela. “E agora temos que usar máscaras, lavar e desinfetar nossas mãos quando sairmos”.

Por ser infeccioso, o coronavírus é difícil de conter e já atingiu mais de 2.000 pessoas e matou 80 na China. Atualmente, o vírus já se espalhou por boa parte do globo possuindo casos confirmados até mesmo no Brasil.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCoronavírus: OMS declara estado de emergência global e infectologista dá dicas
Próximo artigoRiva fecha delação e entrega esquema de 20 anos envolvendo 38 deputados

O LIVRE ADS