|Segunda-feira, 24 setembro 2018
Reprodução/ilustração

Juiz eleitoral de MT autoriza outdoors e adesivos de Bolsonaro

O juiz afirmou que se inspirou em decisão do ministro Luiz Fox, que foi no mesmo sentido

236
COMPARTILHECOMPARTILHE

O juiz eleitoral da 14ª Zona Eleitoral, Valter Fabrício Simioni da Silva, autorizou a exposição de outdoors e adesivos do pré-candidato à Presidência da República pelo PSL, Jair Bolsonaro, em Jaciara (MT). A decisão do magistrado ocorre após pedido do Ministério Público Eleitoral para a retirada do material que conta com a foto do propenso candidato, o que supostamente caracterizaria propaganda extemporânea (antecipada).

Valter disse ao LIVRE que não autorizou a retirada dos outdoors e adesivos espalhados pela cidade embasado em uma decisão proferida recentemente pelo ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Luiz Fux. Ele alega que o material não conta com pedido de voto expresso nem divulgação de plataforma eleitoral.

O magistrado afirmou ainda que a decisão só foi necessária pelo fato de o MPE ter solicitado que ele usasse o poder de polícia, determinando a retirada do material. “Essa discussão precisa ser levada no âmbito dos tribunais superiores”, explicou.

Valter ainda destacou que o entendimento sobre casos relacionados é divergente entre os magistrados de Mato Grosso. “O próprio Tribunal Regional Eleitoral tem alguns entendimentos divergentes, não do caso específico. Até teve um curso do TRE que a gente participou, mas a legislação é modificada em uma velocidade muito grande. Mas a gente precisa se atentar para ver o que se enquadra ou não como propaganda antecipada”.

Questionado pela redação sobre o fato de Bolsonaro se apresentar como pré-candidato e utilizar de outdoors, mesmo que sem pedido de voto, não seria uma manobra para driblar a Justiça, o juiz eleitoral ressaltou que caberia às instâncias superiores a avaliação.

“Existe esse entendimento mesmo de que o pré-candidato afixar um outdoor estaria se auto divulgando. Mas se for analisar a legislação, a priori, não caracteriza propaganda eleitoral”, justificou.

Deixe um comentário

Please enter your name here
Please enter your comment!

DESTAQUES

Bairro Cuiabá História Municípios Policia
UFMT oferece treinamento de defesa pessoal gratuito para mulheres; inscrições abertas
Hospital de Cuiabá indenizará paciente que ficou 6h com dor
Primavera começa com possibilidade de novo El Niño; chuvas serão mais intensas no Centro-Oeste
Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
Wellington acusa Mauro de se colocar em risco propositalmente ao cumprimentar militância adversária; veja vídeo
Enquadrados na Ficha Limpa, Jajah e Fabris estão entre os 28 que disputam eleição sob judice em MT
Candidato, ex-BBB sofre acidente ao retornar de agenda de campanha em Rondonópolis
Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
Mesmo sendo prioridade do Dnit, BR-163 será finalizada apenas em 2020
Pecuaristas aderem a projeto sustentável e reforçam a importância da união da cadeia produtiva
Fiscais do Indea se preparam para atuar no vazio sanitário do algodoeiro
Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
Facebook entra no mercado dos aplicativos de paquera
Meeting de estética corporal e facial reúne profissionais de todo o país em Cuiabá
“Dobradinha” Diego & Arnaldo e Israel Novaes lotam Musiva. Veja Fotos
Corrupção Economia Eleições Estados Política
Bolsonaro passa bem e tem dreno retirado do abdome
TSE disponibilizará aplicativo que mostra apuração em tempo real
Toffoli assume presidência pela primeira vez
Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
Sine oferece quase 50 vagas de emprego nesta semana; 22 são para PCDs
Última semana para inscrição em concursos com salários de até R$ 7 mil; veja vagas
McDonald’s oferece 20 oportunidades de trabalho em Cuiabá
X