|domingo, 19 agosto 2018
Foto: Reprodução

Homem se assusta ao ouvir que foi morto pelo Bope e vai ao Fórum provar que está vivo

Rapaz já havia sido preso anteriormente e procurou a Justiça depois de ler que estava morto

217
COMPARTILHECOMPARTILHE

João Bonifácio Nascimento de Barros, de 34 anos, procurou o Fórum de Cuiabá, na tarde desta quinta-feira (9) para provar que está vivo. Isso porque ele foi apontado como um dos suspeitos de ter participado de um assalto a uma agência do Banco do Brasil em Brasnorte (distante 586 km de Cuiabá) e teria sido morto por policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) depois que teria tentado fugir.

A defesa de João procurou a Justiça para provar que o homem não estava nem morto e nem no interior do Estado.

Em requerimento enviado para o juiz da Vara de Execuções Penais, Geraldo Fidélis, a defesa de João pediu que o equívoco fosse desfeito, uma vez que ele é reeducando – condenado, justamente, pelo crime de assalto a banco – e se encontra em regime aberto há cinco anos. Segundo a defesa, durante todo o período de assalto, perseguição e “confronto”, ele estaria em Cuiabá, desempenhando suas atividades.

Leia mais

Assaltantes de banco morrem em confronto com o Bope no interior
Seis pessoas são presas por tentativa de furto ao Banco do Brasil – veja fotos
Polícia cerca cidade do interior em busca de responsáveis por roubo a banco

“Conforme amplamente divulgado na imprensa escrita e televisionada, há a informação de que o reeducando teria participado de uma tentativa frustrada de furto qualificado na Agência Bancária de Brasnorte/MT, que haveria culminado com sua morte, em confronto com o BOPE. Ocorre que o mesmo não participou e está na capital desempenhando suas atividades, sendo tomado de surpresa com as informações veiculadas”, diz trecho do requerimento.

Ainda, o advogado de João pediu que a Polícia Militar – responsável por comunicar o nome dos mortos no confronto – explique como chegou a identificação de José Bonifácio. O pedido foi acatado pelo juiz.

Explicações da PM
Após a presença de João ter sido “constatada” pelo juiz, a Polícia Militar emitiu uma nota explicando sobre a confusão.

Conforme a instituição, não apenas o nome de João Bonifácio estaria errado, mas também do segundo suspeito morto no confronto, que teria sido divulgado como Roney Matos de Oliveira, de 22 anos.

Ainda na nota de esclarecimento, a PM informou que os suspeitos mortos foram, portanto, Kelton Richer da Silva Freitas, de 28 anos, e Cleyton Lins, de 29.

O caso
A movimentação começou na madrugada de segunda-feira (6), quando um grupo assaltou uma agência em Brasnorte. Segundo as informações, as câmeras de vigilância da agência bancária teriam sido desligadas e, ao checarem o entorno, militares localizaram um veículo Fox, de cor preta, parado próximo ao local.

Quando foram abordar os ocupantes, o carro tentou fugir. No entanto, sem conseguir, um casal que o ocupava alegou que a mulher estaria passando mal. A informação, porém, foi descartada por um médico que a examinou, a pedido da PM.

No momento em que estavam no hospital, o alarme da agência disparou. A Polícia Militar, então, chamou reforços de diversas cidades, entre elas a equipe do Bope de Cuiabá.

Na ocasião da morte dos dois suspeitos, o caso teria acontecido enquanto fugiam do município em uma caminhonete S10. Em determinado momento, o combustível acabou e eles roubaram uma motocicleta para continuar a fuga.

O dono do veículo, porém, conseguiu avisar a polícia e uma perseguição começou, quando uma equipe do Bope foi acionada.

Sem atender à ordens de parada dos militares, eles teriam atirado contra a viatura. Os militares, então, revidaram a agressão, e atingiram os suspeitos. Eles teriam sido encaminhados para um hospital em Juara, mas morreram minutos depois.

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

Please enter your name here
Please enter your comment!

DESTAQUES

Bairro Cuiabá História Municípios Policia
Estudante se sensibiliza e vende brownies para comprar cadeira de rodas a adolescente com paralisia cerebral
Bombeiros não liberam Rock Arena e público é barrado na entrada do evento; veja vídeo
MD: Droga sintética tema de música é apreendida pela primeira vez em Sinop
Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
Personagens inusitados e nomes curiosos: as figuras carimbadas de toda eleição
População de MT vai poder escolher entre 519 candidatos nas eleições deste ano
Carreta carregada de cerveja tomba e carga é saqueada em Sorriso
Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
Fazenda que produz mais de 37 mil litros de leite por dia atrai atenção dos mato-grossenses
Vendas de carne bovina crescem 11% e somam US$ 3,5 bilhões
Fazendeiros que desmataram 242 hectares terão que pagar R$ 150 mil
Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
Duelo estadual de MCs terá seletivas nas batalhas de Cuiabá e VG até outubro; confira datas
Shows internacionais invadem o gramado da Arena Pantanal em Cuiabá
Rede que conecta pensadores sobre mundo contemporâneo será lançada na UFMT
Corrupção Economia Eleições Estados Política
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 27 milhões na quarta-feira
Governo procura 67 pessoas para pagar indenização por trabalho escravo
Decreto proíbe cobrança por cadeira de roda em viagem rodoviária
Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
Por R$ 23 mil, Tribunal de Justiça de Mato Grosso lança concurso para magistratura
Sejudh abre concurso para agentes penitenciários com salários de até R$ 3 mil
Sine Municipal oferece 78 novas oportunidades para quem deseja retornar ao mercado de trabalho
X