Governo demitirá servidor que furtou 11 aparelhos celulares do Estado

Caso aconteceu na Casa Civil em abril deste ano

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Um servidor que atua há mais de 16 anos na manutenção do prédio do Palácio confessou ter furtado 11 celulares do Governo de Mato Grosso. De acordo com assessoria do governo,  ele será demitido. Ao todo 18 celulares sumiram.

Na manhã desta terça-feira (13.08), após depoimento de uma testemunha, a investigação se desdobrou e culminou com a condução do servidor comissionado. Depois de ser ouvido, foi liberado por não haver flagrante.

No entanto, o delegado do caso informou que irá representar junto ao Poder Judiciário pela prisão preventiva do acusado. Toda a investigação continua sob a responsabilidade da Polícia Judiciária Civil.

O fato foi denunciado na Delegacia Especializada de Crimes Fazendários e Contra a Administração Pública, no dia 23 de abril. Todas as informações foram repassadas a autoridade policial, inclusive os dados dos aparelhos telefônicos, como número de série, entre outras informações.

(Com assessoria)