Florianópolis deve abandonar uso obrigatório de máscaras em novembro

Prefeitura quer liberar o uso em espaços abertos quando 65% das pessoas estiver vacinada. E em locais fechados, quando chegar a 80%

Uso de máscaras ainda é lei em Mato Grosso e deve ser utilizada mesmo por quem já está imunizado - Foto por: Fernando Campos

A Prefeitura de Florianópolis (SC) avalia desobrigar o uso de máscaras em locais públicos a partir de novembro. Em coletiva, nessa segunda-feira (4), o prefeito Gean Loureiro (DEM) informou que a medida considera os índices de vacinação contra a covid-19.

Até o momento, cerca 61,8% da população da Capital catarinense já tomou as duas doses da vacina contra a covid-19.

A previsão da prefeitura é desobrigar o uso de máscaras em locais abertos quando a porcentagem de vacinados chegar a 65%. E, depois, desobrigar o uso em locais públicos quando essa porcentagem for de 80%.

Outras Capitais do país, como Rio de Janeiro e São Paulo também já estão considerando a medida.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCriador de Missa da Meia-Noite vai adaptar contos de Edgar Allan Poe em nova série
Próximo artigoVárzea Grande: MP recomenda que prefeitura suspenda contratação de serviço de radar