Ex-marqueteiro do PT, Duda Mendonça morre de câncer no cérebro

O publicitário era um dos envolvidos no esquema do Mensalão, um dos principais escândalos envolvendo o PT

(Foto: Reprodução)

O publicitário Duda Mendonça, ex-marqueteiro do Partido dos Trabalhadores (PT), morreu após uma dura batalha contra um câncer no cérebro. O marqueteiro faleceu na nesta segunda-feira (16), no hospital Sírio-Libanês, onde estava internado.

Devido ao câncer, Duda tinha uma saúde frágil e no início do ano teve grandes problemas de saúde após contrair o coronavírus.

Duda estava internado no Sírio-Libanês desde junho deste ano para o tratamento de seu câncer, que já estava em estado terminal.

Carreira na publicidade

O marqueteiro era famoso na publicidade política do Brasil, sendo um dos responsáveis pelas campanhas vitoriosas de Paulo Maluf à prefeitura de São Paulo, em 1992, e de Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República, em 2002.

Corrupção

No ano de 2005, o publicitário teve o nome envolvido no escândalo do Mensalão, devido à sua relação com o Partido dos Trabalhadores.

Duda Mendonça chegou a se tornar réu no Supremo Tribunal Federal (STF), acusado de lavagem de dinheiro e evasão de divisas — e foi absolvido em 2012.

Posteriormente, na CPI dos Correios, Duda Mendonça afirmou ter recebido R$ 10,5 milhões em caixa 2 pela campanha de Lula.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVídeo| Cantor Sérgio Reis convoca manifestações em apoio a Bolsonaro
Próximo artigoÁguas Cuiabá informa abastecimento de água impactado na região da Altos da Serra