Em meio à quarentena, coletivo lança revista literária experimental

Revista Matapacos

O Coma A Fronteira – coletivo de artes híbridas mato-grossense, lançou em meio à quaretena em função da pandemia de coronavírus a revista digital Matapacos. A ideia é experimentar a poética e as formas do fazer poesia.

A revista tem Caio Ribeiro na edição, Marcella Gaioto e Lucas Lemos na revisão e colaboração.

Outros nomes da cena artística aparecem como Aclyse de Matos, Juliana Capilé, Luiz Marchetti, Luz Marina, Livia Bertges, Marília Beatriz Figueiredo, Maurício Mota, Perseu Azul, Sol. As artes visuais de GORA e Marcus Vaz estampam a primeira edição.

A ideia, segundo o idealizador Caio Ribeiro, é experimentar a poética e colocar as ideias para circular. A ideia inicial é que a revistar possa circular digitalmente, por enquanto.

“Estamos construindo sessões desviantes, que tentam fugir da curva do que já é cristalizado como revista” explica Caio.

LEIA TAMBÉM

Todo o design da revista foi feito por Caio, Lucas e Marcella, o que valoriza a maneira conjunta da produção.

Além de poesias e ensaios filosóficos, o periódico estreante ainda conta com um caderno de dramaturgia, com colaboração do TheatroFúria e um local destinado à fotografia, com imagens de Henrique Santian.

Matapacos

A inspiração para o nome vem de um canino revolucionário chileno. “Negro Matapacos”, como era chamado, foi batizado com este nome pela cor de seus pelos e por suas atitudes nos protestos populares iniciados no Chile em 2010, que pediam melhorias na educação.

Durante as manifestações, Matapacos latia e atacava policiais que tentavam reprimir a população e avançava contra as viaturas.

Para receber a revista, você pode solicitá-la pelos números (65) 99668-7299 (Caio), (65) 99947-5181 (Lucas) e (66) 98426-3208 (Marcella), ou pelo e-mail [email protected]

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorNova adaptação de Agatha Christie, Morte no Nilo, estreia em outubro
Próximo artigoTeaser do episódio final de The Walking Dead promete muitas desgraças

O LIVRE ADS