“Cada estatal vendida dá ganho de capital para o povo”, diz Guedes, sobre privatizações

De acordo com o ministro, as privatizações levam capital para os mais pobres do país

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O ministro da Economia Paulo Guedes voltou a falar a favor das privatizações e do alcance dos programas sociais do governo Bolsonaro. Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, publicada nesta segunda-feira (24), o ministro deu detalhes dos próximos passos do governo.

Segundo Guedes, o Brasil nunca tirou tanta gente da pobreza como durante o governo Bolsonaro.

“Você quer ajudar o pobre, faz uma transferência direta para ele, em vez de criar um aparato estatal”, disse o ministro.

O ministro defendeu que as privatizações são uma forma de levar capital para os mais pobres.

Segundo ele, as privatizações geram dividendos para a população mais pobre. Dessa forma, as privatizações funcionariam como uma distribuição do dinheiro centralizado no Estado.

“Cada estatal vendida dá ganho de capital para o povo. E se não vender? Pega um pedaço dos dividendos e coloca para eles. Cria um fundo de distribuição de riqueza, capitalismo popular. Isso está formulado e pronto”, concluiu Guedes.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorFeminicídios deixaram 20 órfãos em Mato Grosso em 2021
Próximo artigoBloqueio de R$ 572 mil