Após fugir de UPA, homem com covid-19 é preso ao pedir carona

Há dois dias, a Justiça resolveu soltá-lo e deixá-lo internado, então ele fugiu da UPA

Ednilson Aguiar / O Livre

Um homem de 34 anos, que está com resultado positivo para covid-19, deu trabalho para a Polícia Militar de Tangará da Serra (250 km de Cuiabá) nos últimos dias.

Depois de movimentar todo poder público da cidade na quarta-feira (20) para um mandado de prisão contra ele ser cumprido e a Justiça mandar devolvê-lo à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) por estar doente, ao chegar no hospital, ele fugiu.

Somente no fim da tarde dessa sexta-feira (22) ele foi reencontrado pedindo carona para sair da cidade e preso novamente.

A primeira prisão

Segundo a Polícia Militar, o suspeito vivia em um albergue de Tangará da Serra, mas tinha um mandado de prisão em aberto por furto qualificado da cidade de Goiatuba (GO) e, por isso, estava sendo procurado.

Nessa quarta-feira (20), a Polícia Civil de Tangará foi informada pela delegacia de Barra do Bugres (170 km de Cuiabá) sobre o mandado e também que o acusado havia testado positivo para covid-19 e não estava cumprindo as medidas de isolamento social necessárias.

Com isso, os policiais acionaram o Corpo de Bombeiros, a Vigilância Sanitária e o Instituto Médico Legal para participar do cumprimento do mandado em uma ação conjunta.

Antes, porém, entraram em contato com o Centro de Detenção Provisória (CDP) e foram informados que havia uma cela especial para atender os casos de covid-19.

Com tudo certo, as equipes foram cumprir o mandado, com os bombeiros conduzindo o suspeito, a Vigilância Epidemiológica dando apoio logístico, médicos de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) avaliando e dando alta, o Instituto Médico Legal (IML) fazendo o exame de corpo de delito e, assim, a Polícia Civil cumpriu o mandado de prisão.

Quando chegaram ao Centro de Detenção Provisória, porém, ao fim de todo procedimento, a juíza de execução penal negou a entrada do preso e o recebimento dele no CDP.

Com isso, ele foi devolvido à UPA e, ao fim de toda essa jornada feita pelas equipes, o suspeito fugiu da unidade hospitalar no mesmo dia.

Preso de novo

No fim da tarde dessa sexta-feira (22), porém, por volta das 16h30, o suspeito foi encontrado de novo, dessa vez pela Patrulha Rural da Polícia Militar, na Linha 12, zona rural de Tangará da Serra.

Mesmo sabendo de toda história envolvendo sua fuga, que o suspeito estava com covid-19 e vendo que ele não estava nem mesmo com máscara, os policiais resolveram agir e o imobilizaram até a chegada de profissionais capacitados para fazer a prisão dele – mesmo com o risco de serem contaminados, mas garantindo que ele não mais fugisse.

O homem foi mais uma vez encaminho pela UPA, dessa vez por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), e ficou sob a guarda da Polícia Penal.

O caso foi registrado como “prisão por mandado” e “infringir determinação do poder público destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa”.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorProcurando o que assistir? Temos uma lista com as mães mais sinistras do cinema
Próximo artigoMT registra 92 novos casos de covid em um dia e totaliza 1.363 pessoas com a doença

O LIVRE ADS