Agente prisional atira em primo da esposa, acusando-o de ser amante dela

A Polícia Militar foi acionada, procurou o suspeito, mas ele não foi encontrado

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

Um agente prisional de 38 anos está sendo acusado de atirar em um homem de 39 anos com a justificativa de que ele, além de primo, seria amante de sua esposa, cuja identidade não foi revelada.

O caso aconteceu no Bairro Jardim Pindorama, em São Félix do Araguaia (1.160 km de Cuiabá), por volta das 13 horas dessa segunda-feira (28).

Conforme o boletim de ocorrência, o homem de 39 anos estava trabalhando em uma oficina quando o marido de sua prima chegou e perguntou se era ele quem estava conversando com a esposa dele.

A vítima respondeu que “não” – e o agente prisional sacou uma arma e atirou, dizendo que iria ensinar a vítima a virar homem.

Assustada, a vítima conseguiu se esconder atrás de uma caminhonete, enquanto pedia calma e para os dois conversarem.

Quando o agente prisional guardou a arma, a vítima saiu correndo e e escondeu em um estabelecimento ao lado. O agente correu atrás da vítima, que precisou se esconder até o suspeito desistir e ir embora dizendo que iria até a casa da vítima “acertar as contas”.

A Polícia Militar foi acionada, procurou o suspeito pelo bairro, mas até o registro da ocorrência ele não foi encontrado.

O caso foi registrado como disparo de arma de fogo e ameaça.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorA possibilidade de reconstrução
Próximo artigoEdward Norton e Brad Pitt pensavam que Clube da Luta seria um grande fracasso