99 Pop: usuários denunciam motoristas por mau-atendimento e “golpes”

Aplicativo chegou em Mato Grosso há 10 meses e é cada vez mais buscado por usuários

Foto: Reprodução/Reinaldo Okita

Uma das principais concorrentes da Uber, a empresa 99, que oferece serviços de transporte por aplicativo, tem sido alvo de uma série de reclamações de usuários na capital mato-grossense, que chegaram a taxar algumas das ações de “golpe do 99”. Entre as reclamações estão cobranças abusivas, má-fé de motoristas, desaforos e demora no atendimento.

Faz pouco mais de 10 meses que a 99 passou a funcionar em Cuiabá e a cada dia vem ganhando mais espaço, uma vez que oferece aos usuários uma tarifa menor do que a cobrada pela sua principal concorrente. Por outro lado, uma série de reclamações quanto ao serviço começou a surgir.

Ao LIVRE, a estudante Maria Clara Oliveira, de 22 anos, relatou que passou por uma situação no mínimo desconfortável quando, ao pedir uma corrida próxima à sua casa, à noite, ouviu do motorista que ela “deveria ir a pé, porque a corrida é pequena”.

Usuária do aplicativo com certa frequência, em razão do preço mais em conta, ela revelou que já passou por outras situações que geraram dores de cabeça. Segundo ela, a situação mais recorrente é a demora dos condutores.

Outro usuário, que não quis ter o nome revelado, contou que as reclamações com o aplicativo são muitas, e que apenas utiliza o serviço porque é o disponibilizado pela empresa. Disse ao LIVRE que, em suas viagens, poucas foram as vezes que sentiu que recebeu um serviço de qualidade.

“Primeiro que os motoristas dirigem muito mal. Segundo que demora e depois cancela. Se fosse uma corrida, ok, mas são várias”, resumiu.

Além das próprias experiências, ele ainda revelou diversas situações vividas por uma amiga. Disse que, inclusive, um dos motoristas do aplicativo não permitiu que a colega mudasse o destino da viagem durante a rota. Dessa forma, ela foi obrigada a descer do veículo no meio do caminho. A mesma colega também já teve que esperar mais de uma hora por uma corrida, uma vez que o condutor aceitou o chamado quando ainda tinha outro passageiro no carro.

Cobrança indevida

Enquanto para alguns usuários a demora para a chegada de um motorista é vista apenas como um transtorno, para outros a situação é considerada um golpe.

Uma cliente, que preferiu não ser identificada, relatou que o condutor do veículo havia aceitado uma corrida e, mais de 10 minutos depois, ainda estava no mesmo lugar, que, conforme o aplicativo apontava, seria um supermercado no bairro Jardim Itália.

Segundo a passageira, ela entrou em contato pelo serviço de mensagens, por meio do qual o homem a informou que “já estava a caminho”. Conforme se passavam os minutos e o carro não se movia, ela enviou uma nova mensagem ao homem. Dessa vez, ele perguntou se a cliente pagaria em dinheiro e, ao ter uma negativa, cancelou a corrida.

“Mesmo que não me cobraram o valor, porque foi o motorista quem cancelou, eu fiquei mais de 20 minutos esperando uma pessoa que nunca chegou, à noite, na rua”, relatou.

A mesma usuária do aplicativo contou ainda outra situação pela qual passou. Segundo a mulher, a corrida era entre o Morro da Luz, na região central de Cuiabá, e o bairro Boa Esperança, onde ela se encontrou com amigos. Pelo trajeto, o aplicativo mostrou, antes da corrida, a previsão de custo de R$ 13. No entanto, o saldo final ficou em R$ 173.

“Nós fomos conversando pelo trajeto. Parecia uma pessoa muito gente boa, era um estudante, e eu não reparei, quando desci do carro, que ele não tinha cancelado a corrida. Ele me contou que usava mais de um aplicativo de transporte, assim como a maioria. Eu acho que ele simplesmente deixou a minha corrida ligada, continuou usando outro aplicativo e só foi cancelar no dia seguinte. Nesse meio tempo, quando eu percebi, mandei mensagem. Ele leu e ignorou”, relatou.

Para resolver o problema, foi necessário abrir um chamado com a empresa e solicitar o estorno do valor. Ainda assim, a dor de cabeça não foi esquecida. Segundo ela, outra reclamação do aplicativo é quanto a forma de distribuição das corridas.

“Eu não sei explicar como eles distribuem. Às vezes o motorista está do meu lado, a três minutos, segundo o aplicativo, mas, de repente, passa a estar a 10 minutos. A gente manda mensagem e eles dizem que estão a caminho. Teve uma vez que o motorista disse que estava com outro passageiro. Por que aceitou a corrida então? Aí ele não cancela, porque deve sofrer alguma penalidade, e se eu cancelar eu tenho que pagar”, finalizou.

A situação relatada pela mulher foi gravada em vídeo. Pelas imagens é possível perceber que, durante o percurso do motorista até o passageiro, o carro muda de rota, aumentando, assim, o tempo de espera.

Outro lado

Procurada pelo LIVRE, a 99 informou que disponibiliza um canal de atendimento exclusivo para incidentes de segurança e reclamações. Garantiu que faz a análise do perfil dos motoristas, e que, no processo, verifica o histórico público dos condutores.

Além disso, a empresa informou que, para melhor análise, é necessário que os usuários notifiquem o aplicativo por meio da “Central de Ajuda”, ou pelo telefone 0300 3132 421.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

7 COMENTÁRIOS

  1. Pensaram que seria lindo usar um escravo no volante?
    Acreditam mesmo que o valor pago ao motorista é justo?
    Motorista de aplicativo é enganado pelas empresas , eles dirigem por no máximo 6 meses e desistem.

      • Motorista de app não é funcionário dos apps. O carro é dele, o serviço prestado é o transporte, e o app é apenas o intermediador. Ele tbm não é motorista particular de ninguem. Tem um padrão de atendimento imposto pelos apps, e caso ele não cumpra com frequencia, ele pode ser banido sim. A pergunta que faço é: e o passageiro? Pode ser banido? Da 99, dificilmente. Se demora, é pq não tem carros na região, e de fato, motoristas recebem chamados de corridas durante viagens pq o destino dele é próximo. Não podem rejeitar o chamado durante a corrida em curso, pois se fazem isso, são punidos pelos apps e podem até ser banidos. Cancelam depois ao notar área de risco, ou simplesmente PORQUE NÃO SÃO OBRIGADOS, NÃO SÃO ESCRAVOS DE NINGUEM, muitas vezes o cara está longe da região que mora, tarde da noite, depois de trabalhar 10, 12 horas, dependendo do local, morrendo de medo. Porém, o app jogou uma corrida para a região para aquele sempre aceita tudo com medo de ser banido (PIOR DO QUE VINCULO EMPREGATÍCIO), e esse cara se torna o único infeliz na região ou indo para ela naquele momento. único pq muitas vezes nem quem mora no local quer fazer a região. Pois bem, demorou para o motorista chegar, mas chegou, né? Então agradeça a ele, pois os anteriores cancelaram. Achou ruim? chame a Uber! Ahhh, mas é mais caro, né? Pois é. Atualmente tem muito motorista escolhendo entre chuva de chamados da 99 que boa parte são “pedreiras”, e atender pela Uber, que são em locais mais seguros, corridas mais rentáveis, sem riscos, inclusive o de ter um pobre proletariado se achando o dono do escravo no volante capaz de avaliar negativamente seu companheiro de classe, o motorista, mero trabalhador informal, simplesmente pq achou ele feio, pq ele preferiu não conversar muito para não correr o risco de tomar um corte humilhante e constrangedor, ou pq o(a) passageiro mal deu boa noite e olhou para a cara dele. No mais, chame um taxi, compre um carro, contrate um choffer! Outra coisa: tanto Uber, como 99 permite o passageiro alterar a rota no meio da viagem. Faça isso por questões de segurança, de cobrança e repasse ao motorista de forma justa, ao invez de ficar mandando ele sair da rota, andando mais, gastando mais gasolina e tempo, e ainda correndo riscos de ser punido pelo app só porque o passageiro deu uma de migué deixando para falar depois que estava no carro. E ainda assim, ele não é obrigado a ir para aonde não quer, e que só foi lhe informado depois que a pessoa já entrou no carro e iniciou a viagem. ORAS!NEM TAXISTA FAZ ISSO! QUANTOS NÃO REJEITAM CORRIDAS PARA DETERMINADOS LOCAIS, OU COBRAM VALORES EXORBITANTES QUE É PARA A PESSOA NÃO INSISTIR, E SE INSISTIR, VALER MUITO A PENA. QUANTOS? AÍ PERGUNTO: PQ O NOVO ESCRAVO DO VOLANTE QUE GANHA MENOS DE UM TERÇO DA CORRIDA DE UM TAXI É OBRIGADO?

  2. 1. 99 não cobra cancelamento
    2. A demora é pq tem poucos carros trabalhando na 99. Querem economizar 5 centavos (diferença da 99 pra Uber, por km) e não chamam o uber mesmo quando a 99 mostra que o motorista vai demorar.
    3. O sistema sempre manda o motorista que chegará mais rápido, Se escolhe um que está com passageiro (o motorista não pode recusar corridas ou é suspenso) é pq a corrida acabará próximo do local onde o passageiro está esperando.
    4. A mudança no tempo pode ser por conta de trânsito ou erro no GPS tanto do passageiro ou do motorista.

  3. Boa noite. Essa equipe da 99 pop são tudo malandro, eles pedem pra indicar motorista que ter a um bônus de 600 reais. Ai quando completa as 99 viagem eles começam a inventar desculpas pra não pagar. Quando vê esse anúncio vcs são fora que é malandragem desse aplicativo.

  4. Então tem um motorista nesse aplicativo que muito abusado e safado e ainda continua trabalhando nesse aplicativo as vezes pega do documentoDe outra pessoa pra usar o aplicativo prá denunciar é uma borocracia toma atitude 99 nós mulheres merecem respeito.bloqueia ele.toma providências.

  5. Trabalho a mais de um ano no aplicativo 99 tmb uber se vc valoriza o motorista não peça uber uber promo, 99 poupa ou compartilha barato minha demais opinião trabalho Mtooo.nao nem aí pra pra oque os outros fala não trabalho de graça escolho corrida que eu sei que vai meda lucro não vou gastar gasolina atoa por ai

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSelma deixa coligação se dizendo decepcionada com Pedro Taques
Próximo artigoVice-presidente critica ausência de Galli em anúncio de rompimento de Selma