Unemat emite alerta sobre suposto pesquisador que tenta acessar interior de residências

Em caso de visita, a instituição aconselha o morador a chamar a polícia, mesmo que o “estudante” esteja portando crachá da universidade

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Em decorrência às denúncias de que um jovem da Universidade Estadual de Mato Grosso (Unemat) estaria pedindo acesso a residências para a realização de um trabalho acadêmico – a mando da instituição, a Unemat diz que desconhece a suposta pesquisa e caso esse “aluno” peça acesso à casa, mesmo em posse de crachá da instituição, a Polícia deve ser acionada.

Os casos têm sido registrados no município de Tangará da Serra, localizado a 242 km de Cuiabá. Em nota, a Unemat relata que, de acordo com uma matéria publicada em um site de notícia local, o rapaz chega nas casas e se apresenta como estudante do curso de Enfermagem e pede para ter acesso no interior da residência para realizar uma pesquisa. Segundo o relato, algumas dessas visitas já ocorreu inclusive a noite.

Ainda segundo a publicação, nesta quinta-feira (03), o suposto estudante tocou o interfone de uma residência depois das 19h. O morador relatou que o rapaz, que tem boa aparência, chegou em sua casa e se apresentou como estudante e que precisava realizar uma pesquisa. Narra que ele então perguntou se “aquilo era hora” e recusou abrir a porta. O jovem então justificou que “nas férias estão ficando até as oito da noite”.

Assim que soube dessas ocorrências, a direção do Campus de Tangará da Serra entrou em contato com a coordenação do curso de Enfermagem, que informou que não há nenhuma atividade do tipo, sendo desenvolvida pelo curso.

“Trata-se de uma fraude, pois não temos nenhuma pesquisa em execução com esta característica, que peça para adentrar as casas das pessoas”, informou o diretor administrativo da Unemat, Raimundo França.

A universidade disse que o caso está sendo investigado pela polícia.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMega-Sena acumula e próximo prêmio deve ser de R$ 8 milhões
Próximo artigoFérias: bibliotecas são opções de passeio saudável e lúdico para crianças

O LIVRE ADS