Tem R$ 45 milhões aí? Banco do Brasil coloca à venda 5 fazendas em MT

Ao comprador, banco garante que assumirá todas as dívidas adquiridas pelo antigo proprietário até a assinatura do contrato

(Foto: Divulgação/Mapa)

Cinco imóveis rurais de Mato Grosso estão disponíveis para compra direta com descontos que variam entre 22% e 35%. Eles fazem parte de uma campanha do Banco do Brasil para comercializar bens decorrentes de créditos que foram dados aos clientes e não pagos.

O mais caro deles é uma fazenda de 74 hectares no município de Nova Ubiratã (480 km de Cuiabá). Ela está avaliada em R$ 69,6 milhões, mas com desconto de 35%, o preço caiu para a “bagatela” de R$ 45,4 milhões.

Segundo a descrição da propriedade, que pode ser vista no site do banco, as principais vantagens são a localização da área, perto de uma região produtora e frigoríficos e a qualidade do solo.

Atualmente, ela continua ocupada e, conforme as informações do site, produzindo soja, milho e algodão.

As demais áreas estão nas cidades de São Félix do Araguaia, Pedra Preta, Luciara e Chapada dos Guimarães.

Imóveis urbanos

Quanto aos imóveis urbanos, duas casas no interior de Estado e um apartamento popular em Cuiabá estão disponíveis.

Também aparecem no site outras opção de apartamentos, mas já com a tarja com os dizeres vendidos. Nestes casos, os descontos foram de até 48%.

A campanha

O Banco do Brasil anunciou a venda de 1.404 imóveis com descontos que podem chegar a 70% em todo território nacional. A oferta abrange casas e apartamentos com valores que variam de R$ 15 mil a R$ 21,7 milhões.

A Região Nordeste é a que concentra maior número de imóveis à venda, com 590 unidades e descontos de até 65%. Em seguida está a Centro Oeste: 349 imóveis e descontos de até 70%.

O banco informou que, em 2020, vendeu 770 imóveis decorrentes de créditos concedidos a inadimplentes. Destes, 684 foram por meio da plataforma Seu Imóvel BB. As outras vendas foram feitas por meio de leilão online ou por venda direta.

“Para dar segurança ao comprador, o BB garante o pagamento de todas as despesas vinculadas ao imóvel até a transferência da propriedade ao comprador, como impostos, taxas de energia, água e gás e condomínio”, informou, por meio de nota, o banco.

Portal AgroBB

Desde abril do ano passado, o banco disponibilizou um outro portal – o AgroBB –, que é dedicado exclusivamente à venda de imóveis rurais.

Há nesse portal o portfólio de cerca de 100 propriedades em todo o território nacional, com valores que vão de R$ 11 mil (terreno) a R$ 48 milhões (fazenda).

(Com Agência Brasil)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMotociclista morre atropelado por ônibus em Cuiabá
Próximo artigoDeputados federais gastaram R$ 10 milhões com combustível em 2020