Taxa de suicídio recua no primeiro semestre em Mato Grosso

Estado tem média de até 222 casos registrados ao ano e busca reduzir esse número em pelo menos 10%

(Foto: Reprodução/iStock)

O número de suicídios caiu em Mato Grosso entre março e agosto deste ano. A taxa registrada ficou em 2,3 mortes autoprovocadas a cada 100 mil habitantes.  

Os dados foram apresentados no III Encontro Intersetorial de Prevenção ao Suicídio, parte da programação alusiva ao Setembro Amarelo.

Mato Grosso tem uma média de 200 a 222 suicídios por ano.  

Em 2020, esse número pode ser menor. Se comparado aos dados de março a agosto do ano passado, o período de isolamento social – devido a pandemia – resultou em uma redução de 1,3 casos.  

No primeiro semestre de 2019, foram registrados 3,6 suicídios a cada 100 mil pessoas. 

Contudo, o número de notificações de pessoas que tentaram o suicídio continua alto. A psicóloga Daniela Bezerra, membro da Coordenadoria de Promoção e Humanização da Saúde em Mato Grosso, diz que esses casos continuam em progressão e, neste ano, podem estar associados ao aumento da violência doméstica. 

“Sabemos que a violência doméstica e o feminicídio aumentaram bastante na pandemia, fatores que têm relação com os índices de tentativa de suicídio. As taxas de mortalidade e lesão autoprovocada estão ligadas a muitos fatores, como a qualidade de vida da população”, disse. 

Mato Grosso faz parte do programa nacional que visa reduzir em 10% a quantidade suicídio em 2020. A meta foi traçada no programa da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas). 

Conforme a Coordenadoria, no Brasil, há registro de 11 mil suicídio por ano.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGisela e Fabrício; prefeita e vice
Próximo artigoDono de concessionária de luxo é preso acusado de lavagem de dinheiro do tráfico de drogas