Taques e as ironias do destino

Em pesquisa Pedro Taques aparece com 45% de rejeição, número que vai aparecer nas urnas

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

O governador Pedro Taques (PSDB), que começou a disputa pela reeleição usando o 45, seu número nas urnas, para fazer trocadilhos positivos de campanha, já foi traído por ironias do destino pela segunda vez.

Na sexta-feira (24) a pesquisa Ibope apontou um índice de rejeição ao nome do tucano de 45%, enquanto as intenções de voto no governador e candidato à reeleição atingiram 22% – número de um de seus adversários da oposição, Wellington Fagundes (PR).

Da outra vez, Taques disse que faria o clima cuiabano, predominantemente quente, chegar a 45% no dia da convenção partidária de lançamento de sua candidatura à reeleição. Por mais uma coincidência “cruel”, aquele dia de agosto amanheceu nublado e gelado.

A pesquisa Ibope ouviu 812 eleitores entre os dias 21 e 24 de agosto. A pesquisa foi encomendada pela TV Centro América. A margem de erro do estudo é de 3% para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%. O levantamento está registrado no TRE-MT sob o número 04065/2018.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCriança chega à escola com sintomas de embriaguez
Próximo artigoBebê encontrado em caixa de sapato deve receber alta na segunda-feira