Seduc em pauta

Dois casos de corrupção são apurados nesta segunda-feira

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

A Secretaria de Educação de Mato Grosso (Seduc) está sob olhares atentos nesta segunda-feira (19). Coincidência ou não, dois casos de desvio de recursos estão em pauta: são as operações Rêmora e Fake Delivery.

No início da manhã, a ex-secretária da Pasta e atual deputada federal, Rosa Neide Sandes (PT) foi surpreendida pela Delegacia Fazendária (Defaz), com um mandado de busca e apreensão. Gestora da Seduc entre 2013 e 2014, no governo Silval Barbosa, ela nega participação no esquema investigado.

Já seu sucessor, Permínio Pinto, é interrogado pela juíza Ana Cristina Silva Mendes, da 7ª Vara Criminal de Cuiabá. Secretário na gestão Pedro Taques (PSDB), ele chegou a ser preso no fim de 2016.

Delator da operação Rêmora, ele fala sobre desvios de recursos para pagamento de dívidas de campanha.

Leia também

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSimpósio de Saúde em Mato Grosso revelará novidades da medicina sobre longevidade
Próximo artigoOperação Licitação Garantida tira ônibus irregulares de circulação em MT