Prefeitura de Cuiabá avalia se prorroga ou não quarentena obrigatória

Obrigação de isolamento chega ao fim em Cuiabá com etapas diferentes de cumprimento das medidas exigidas em decreto estadual

(Foto: Luiz Alves/Prefeitura de Cuiabá)

O decreto municipal nº 8.372/2021 que estabeleceu as regras para a quarentena obrigatória em Cuiabá expira nesta sexta-feira (9) e a prefeitura estuda se irá prorrogar ou não as restrições. 

As medidas em vigor, que seguem o decreto estadual nº 874/2021 e determinam o toque de recolher e a limitação de funcionamento do comércio até às 20h, completam hoje os 10 dias exigidos no decreto do governo. 

Contudo, o escalonamento de horários das atividades econômicas e o aumento da frota de ônibus do transporte coletiva começaram a valer na terça-feira (6). Elas foram definidas em conciliação judicial há uma semana, quando a desembargadora e presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, Maria Helena Póvoas, convocou governo e prefeitura para uma audiência. 

Cuiabá não tem mais “risco muito alto”

A assessoria de imprensa de Cuiabá informou hoje pela manhã que a Procuradoria Geral do Município elabora normativas que deverão acompanhar regras sanitária em vigor. Mas, não informou se haverá prorrogação do decreto. 

Um fator que deverá ser ponderado na análise da prefeitura é a saída de Cuiabá do grupo de municípios com “risco muito alto” para o contágio pelo novo coronavírus.

Essa classificação serviu de base para a exigência de quarentena obrigatória baixada pelo governo e depois ordenada pela Justiça. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMorte em família
Próximo artigoVereador morre de covid-19