O que Gisela Simona promete para ser eleita prefeita de Cuiabá?

Servidora púbica de carreira, a candidata foca no combate "implacável" à corrupção em seu plano de governo

(Foto: reprodução/ Facebook)

Os candidatos a prefeito de Cuiabá protocolaram, junto com seus pedidos de candidatura,  as promessas de campanha que devem ser cumpridas, caso sejam eleitos. São os planos de governo.

O LIVRE fez a leitura desses documentos e apresentará um apanhado das ideias que delineiam as candidaturas de cada um dos oito concorrentes e também suas visões para áreas matrizes, como saúde, educação e segurança. 

As reportagens serão publicadas em ordem alfabética. A quinta da lista é a candidata Gisela Simona (Pros).

Combate à corrupção e gestão eficiente

Servidora pública de carreira, Gisela promete um combate “implacável” à corrupção. Neste sentido, o plano de governo propõe uma gestão pública ética e transparente e investimento no desenvolvimento urbano.

Para isso, a chapa pretende – caso seja eleita – divulgar o currículo dos servidores efetivos e comissionados no Portal da Transparência; diminuir em 50% o número de imóveis alugados pela prefeitura e implantar energia solar em prédios públicos.

“Acreditamos no trabalho com pulso firme e mão forte no caixa da prefeitura, cortando custos da máquina administrativa, valorizando os servidores públicos, exigindo perfil adequado e ético de todos os cargos comissionados, combatendo a corrupção e buscando a eficiência nos gastos públicos”, diz o plano.

Saúde

– Criar comissão permanente para revisão dos contratos
– Criar o Programa Farmácia Popular Cuiabana
– Criar o programa fila zero para as cirurgias de baixa e média complexidade
– Atender 100% das comunidades rurais
– Concluir a UPA do Areão
– Transformar antigo Pronto-Socorro em um Hospital da Mulher

Educação

– Criar a primeira creche 24 horas para as mães trabalhadoras
– Reduzir a taxa de analfabetismo
– Criar uma rede de apoio psicológico aos profissionais da Educação Municipal
– Melhorar os Indicadores da Educação

Mobilidade urbana

– Implantar estacionamento rotativo em Cuiabá
– Implantar três avenidas estruturais
– Melhorar os pontos de ônibus
– Garantir acessibilidade em todos terminais de ônibus

Cultura

– Resgatar os símbolos antigos de Cuiabá
–  Estruturar o Museu do Rio
– Incentivar as manifestações culturais tipicamente pantaneiras
– Revitalizar os espaços culturais do Centro Histórico
– Criação de uma Escola das Artes

Fazenda e gestão fiscal

– IPTU social para aposentados, pensionistas, inválidos e viúvos
– Valorizar os servidores de carreira
– Desenvolver o Portal de Compras

Valorização da mulher

– Implantar a rede de enfrentamento de violência contra a mulher
– Construir um  programa de qualificação de mulheres para o mercado do trabalho

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAjuda do governo só chegou a 15% das micro e pequenas empresas
Próximo artigoValdir Barranco: conheça os candidatos ao Senado em MT