“O autismo é uma benção”, diz Marcos Mion em dia mundial da conscientização

Apresentador usou suas redes sociais para falar sobre o autismo e de como é feliz com o filho Romeo

Fonte: Instagram

Em todo o mundo a data 2 de abril é lembrada como dia da conscientização do autismo. Transtorno neurológico caracterizado por comprometimento na interação social, comunicação verbal e não verbal e comportamento restrito e repetitivo.

Para o apresentador Marcos Mion, o autismo nada mais é do que uma forma pura de ver o mundo. Pai de 3 filhos, Mion aborda com frequência em suas redes sociais o tema, e as situações vividas pelo filho Romeo de 13 anos, que é autista e inspirou o pai a escrever um livro: “A escova de dentes azul”.

A publicação conta uma situação vivida por Marcos e pela família no Natal. “Basicamente falo sobre o consumismo. Algo que precisa ser abordado entre as crianças. A lição que Romeo deu pra mim e para os irmãos é da simplicidade. Não adianta ter um mundo de coisas que não significam nada. O que importa é você ter uma coisa que significa o mundo”, contou Mion em seu Instagram na manhã dessa terça-feira (2).

View this post on Instagram

E nada mais importa, não é mesmo? . Se Jesus Cristo nos abençoa, ilumina e protege, estamos bem demais. . O resto é nossa responsabilidade. Nosso corre. . Todas as noites me dedico a ensinar Doninha e Tefo a, antes de pedir, agradecer. Em primeiro lugar pela saúde, sempre. E eu sei que depois eles têm uma lista extensa de pedidos! Como qualquer criança! ❤️ . Estávamos apenas esperando a missa começar, fiz a pergunta pro Romeo sem nenhuma pretensão, mas imaginei que alguma resposta boa viria. Tanto que comecei a gravar. . E mais uma vez, meu anjo Romeo, me lembra que a gente só precisa do essencial. Só o essencial. Jesus Cristo nos abençoando, iluminando e protegendo. Essa é a base da felicidade. . “E a vovó Carminha”! ❤️❤️❤️ . #FamilyFirst #Autismo #Fé #Sabedoria

A post shared by Marcos Mion (@marcosmion) on

Marcos Mion demonstrando o afeto do filho Romeo durante a missa.

O apresentador também explicou sobre a falta de informação que ainda existe sobre o autismo. Segundo dados citados por Mion, há 10 anos atrás a cada 100 crianças, uma nascia autista. Hoje a cada 59 nascimentos, um é autista. ” Percam o medo. Porque o autismo é uma benção. Ainda tem quem chame de doença. E não é! É uma condição neurológica de comportamento e de forma de pensar diferente e muito melhor que a nossa. Eles [os autistas] são amor puro. Não tem maldade nem mentira” finalizou.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorTereza Cristina marca para o dia 10 encontro com embaixadores árabes
Próximo artigoCaminhonete derruba poste e cabos da rede elétrica atingem veículo em Nova Mutum