Mulher denuncia marido por agredi-la e obrigá-la a manter relações sexuais com outros

Segundo a vítima, o marido aparecia com homens aleatórios e a obrigava a manter relações para que ele fotografasse e filmasse

Imagem ilustrativa (Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

A Polícia Militar registrou um caso de violência doméstica nessa quinta-feira (20) em que, além de agredir e ameaçar a companheira, de 19 anos, de morte, o homem, de 29 anos, ainda a obrigava a manter relações sexuais com estranhos para que ele filmasse e fotografasse.

As agressões e relações sexuais aconteciam na residência do casal, no Bairro Jardim São Paulo, em Mirassol D’Oeste (295 km de Cuiabá).

Segundo a vítima, o casal já mora junto há dois anos e nos últimos meses o suspeito passou a agredi-la e ameaçar de morte.

Além disso, ele frequentemente passou a trazer homens para dentro de casa e obrigar a esposa a manter relações sexuais com esses estranhos, para que ele realizasse o fetiche de fotografá-la e filmá-la nessa situação.

Nessa quinta-feira, o suspeito chegou em casa com um homem e, mais uma vez, tentou obrigar a companheira a manter relação sexual com um estranho.

Ela se recusou e saiu correndo para a rua pedindo por socorro. O companheiro a seguiu tentando impedi-la de chamar a polícia e até mesmo escondeu os documentos dela.

Na madrugada dessa sexta-feira (21), no entanto, ela conseguiu ir até um Batalhão da Polícia Militar e registrou um boletim de ocorrência contanto tudo que vem sofrendo.

O caso foi registrado como ocorrências atípicas, de natureza diversa, e encaminhado para a Polícia Judiciária Civil.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorQuer cair na folia? 7 dicas para curtir o carnaval em Cuiabá ou Chapada
Próximo artigoHomem compra bombons, percebe larvas depois de comer alguns e registra boletim

O LIVRE ADS