Mãe esquece celular de filho no carro de motorista de aplicativo e vai à polícia

Criança de 9 anos é autista e precisa do telefone para se concentrar

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Uma mulher de 47 anos procurou a delegacia de polícia para registrar um boletim de ocorrências conta o aplicativo de transporte de passageiros 99 Pop.

O caso aconteceu na noite de sexta-feira (18), em Cuiabá.

Na delegacia, a mulher contou que tem um filho autista, de 9 anos, e que o hiperfoco dele é um aparelho celular. Ou seja, ele tem uma fixação pelo telefone.

Segundo consta na narrativa, a mãe e o filho chamaram um carro por aplicativo para irem do bairro Terra Nova ao Paiaguás, onde participariam de uma festa infantil por volta das 20 horas.

Quando chegaram, os dois desceram do carro e o motorista seguiu em busca de outro passageiro.

Foi apenas depois que a mulher percebeu que havia deixado o celular no banco traseiro do veículo.

A mulher afirmou à polícia que tentou contato com o motorista diversas vezes, mas não teve nenhum retorno. Por isso, registrou o caso.

Na delegacia, o fato foi enquadrado como ocorrências atípicas de natureza diversa.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

O LIVRE ADS